Tevez brilha na Juve

Antero Greco

18 Março 2015 | 20h16

Há jogadores para os quais tiro o chapéu. Um deles é Carlitos Tevez. Admiro o argentino desde quando defendeu o Corinthians e se destacou na conquista do título brasileiro de 2005. Brigador, talentoso, insistente, criativo e goleador. Era assim no início de carreira, já nos tempos de Boca, é assim agora, mais veterano e referência no ataque da Juventus.

Tevez foi protagonista da extraordinária vitória da equipe italiana, na visita que fez aos Borussia, em Dortmund, nesta quarta-feira. Abriu e fechou a contagem, nos 3 a 0 que garantiram passagem para as quartas de final. E, de quebra, deu o passe para Morata marcar o segundo. (Antes, o espanhol havia desperdiçado outro presente do companheiro.) No primeiro jogo, a Juve tinha feito 2 a 1 em casa.

O argentino foi a melhor aquisição da Juve nas últimas temporadas. Depois de rodar pela Inglaterra, Tevez estava desgastado e havia quem apostasse no declínio. Encontrou espaço em Turim e agora deita e rola. É o principal jogador do grupo, na ausência de Pirlo. No campeonato italiano, se transformou num dos artilheiros e brilha na Champions League.

Tevez desmontou o Borussia, com arrancadas velozes, com o golaço que fez logo aos 3 minutos, e com os deslocamentos. Naquele jeito sisudo, fechado, esquisito, de quem não sorri, se diverte e diverte o público. Sujeito bom de bola está aí. E sei que deixou saudades no Brasil.