As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Manutenção de bom trabalho

Marcio Claesen

03 Outubro 2006 | 16h53

Candidato à reeleição para a presidência do Grêmio, Paulo Odone revelou que a sua primeira tarefa no novo mandato será manter o técnico Mano Menezes no Olímpico. O comandante está no clube há um ano e seis meses, algo fora dos padrões do futebol brasileiro – o recordista de tempo no cargo no Nacional.

Eleito deputado estadual no pleito do último domingo, Odone está licenciado do cargo, mas deve reassumir na próxima semana.

Procedente do modesto Caxias, da Serra Gaúcha, Mano tem um bom retrospecto no time de Porto Alegre. Sob a direção do “professor”, o Grêmio conseguiu voltar à Série A, foi campeão do Gauchão e atualmente aparece entre os líderes do Brasileiro, lutando pelo título e por uma vaga na Libertadores da América 2007.

Além de planejar a seqüência do treinador, o presidente também já negocia a renovação de alguns jogadores , como os argentinos Maidana e Herrera, cujos contratos vencem em dezembro. O volante Lucas, o principal destaque do time no Nacional, deve se transferir para o futebol europeu. O provável destino é o Atlético de Madrid, onde jogou o tio do atleta, o ex-palmeirense Leivinha.