O mico da rodada vai para Campinas. Não tem desculpa.

O mico da rodada vai para Campinas. Não tem desculpa.

Bruno Voloch

22 Outubro 2017 | 11h05

E o mico da segunda rodada da Superliga vai para Campinas.

Nada, rigorosamente nada, pode justificar a derrota de 3 a 0 em casa para Canoas. Só que Campinas conseguiu perder e frustrou a fiel e sempre esperançosa torcida.

Horacio Dielo terá muito trabalho pela frente.


Campinas ganhou a concorrência do Corinthians, para quem caiu no campeonato estadual, e principalmente do Sesc. O que era certo nas temporadas passadas e relativamente fácil, ficar entre os 4, agora será um desafio e tanto.

A tabela foi mais do que favorável. Caramuru e Canoas, dois candidatos ao rebaixamento, nas duas primeiras rodadas.

Era para Campinas somar 6 pontos e ser no mínimo um dos líderes do campeonato. Só que não. Juiz de Fora já se sente no direito de tirar uma casquinha. E não está errado.

Para Campinas agora a conta é simples: quem perde ponto para os pequenos é obrigado a recuperar contra os grandes.