As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Tudo virado

Cesar Sacheto

20 Abril 2017 | 19h55

A rodada desta quarta-feira da Copa do Brasil mudou o panorama do clássico Majestoso que vai decidir um dos finalistas do Campeonato Paulista, no próximo domingo. Os corintianos, antes extremamente confiantes na vitória contra o São Paulo, agora têm uma baita interrogação na cabeça.

O Corinthians caiu mais uma vez em Itaquera. Depois de abrir 1 a 0, o Timão não teve competência para matar o jogo. Logo após Maycon abrir o placar, os torcedores deram mais uma demonstração de estupidez coletiva ao acenderem sinalizadores nas arquibancadas, atitude que só beneficiou o Inter. Até quando, meu Deus!!!

O técnico do time gaúcho, Antonio Carlos Zago, aproveitou a parada para conversar com os seus comandados e acertou o time, que estava perdido após ter levado o gol. Daí, a partida se equilibrou. Grande bobagem da torcida. E o pior é que esse pessoal deve ter achado o máximo atrapalhar o jogo. Tsc, tsc.

Bem, depois de perder uma série de chances, o Corinthians levou o castigo quando o lateral Fagner fez um gol contra e a decisão da vaga para as oitavas de final da competição foi parar na disputa de pênaltis.

Sem querer elencar as cobranças, falhas e acertos de cada um dos batedores, gostaria apenas de me ater a um detalhe: o que teria ocorrido com o meia Rodriguinho? Um dos destaques do time, ele tomou chá de sumiço na hora da decisão. Na hora de fechar contrato, se apresenta como decisivo. Mas quando o bicho pega… Estranho, hein?

Resultado: os torcedores tiveram que suportar uma enxurrada de memes na internet e zoeiras em geral. O meia Rodriguinho foi um dos mais criticados pelos alvinegros pela ausência entre os cobradores das penalidades contra o Inter.

Já o São Paulo encarou o Cruzeiro, no Mineirão, e surpreendeu. Venceu o jogo, mas não levou a vaga. No entanto, a vitória serviu para o técnico/mito/líder, obcecado por estatísticas, discorrer sobre os números do jogo (como é chato esse Rogério Ceni).

Ainda acho que o Corinthians vai vencer o clássico contra o São Paulo e chegar à final do Paulistão. Mas a semifinal ganhou novos contornos depois dos jogos desta quarta.

Mais conteúdo sobre:

CorinthiansSão Paulo
0 Comentários