As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Só pedreira no caminho de Bellucci

Estadão Esportes

26 Julho 2012 | 18h29

O Thomaz Bellucci levou muito azar no sorteio e tem pela frente uma chave duríssima, logo de cara contra o número seis do mundo. A estreia é contra o francês Jo-Wilfried Tsonga e se passar, também vai ter vida complicada diante do Raonic. Mas Olimpíada é assim e não tem como fugir. Quem quer um sonho grande como esses, vai ter de enfrentar grandes nomes do tênis, não tem jeito.

O favorito para o torneio olímpico é o Roger Federer, sem dúvida. Pela maneira que joga na grama, por ter vencido recentemente em Wimbledon, por ser o número 1 do mundo e tudo o mais, não tem como citar outro nome. Ele é o cara que tem as maiores chances de ouro. Mas ele não terá vida fácil. Se der a lógica, vamos ter nas semifinais Djkovic e Murray na briga também e a partir daí, a vitória será definida nos detalhes e pode acontecer de tudo. Rafael Nadal seria mais um dentro desse bolo com grandes chances de medalha, mas infelizmente o espanhol ficou de fora.