Alonso, Fisichella e Briatore lavam a roupa suja

liviooricchio

06 Outubro 2006 | 22h25

Fernando Alonso, Giancarlo Fisichella e Flavio Briatore lavaram suas roupas ontem à noite. Quinta-feira, Alonso disse sentir-se “sozinho” na luta com Michael Schumacher e reclamou de a equipe permitir Fisichella de o ultrapassar em Xangai e Indianápolis. “Ele já fez isso ano passado também. Talvez tenha esses acessos uma vez por temporada”, disse, rindo, Briatore. “Nós nos entendemos e talvez até estejamos mais estimulados para o fim de semana”, disse o italiano. Já Alonso: “Não imaginei que minhas palavras teriam a repercussão que ganharam.”

Na sessão livre de ontem de manhã, pouca gente se arriscou a deixar os boxes por causa do volume de água na pista. À tarde, a chuva mais leve no início e a trilha seca no fim agitou o treino, de resultado pouco significativo. Giancarlo Fisichella estabeleceu o melhor tempo, 1min34s377 e Felipe Massa, Ferrari, o segundo, 1min34s408. Os dois que poderão ter participação decisiva na definição do título de Alonso e Schumacher foram mais velozes que eles. Schumacher ficou em terceiro, 1min34s565, e Alonso, quarto, 1min34s863. Rubens Barrichello, Honda, registrou o 13.º, 1min35s528.

Uma pequena multidão de jornalistas japoneses cercou Sakon Yamamoto, ontem, depois de encerrada a sessão de treinos da tarde. Era sua estréia diante da torcida japonesa, por um time do Japão, Super Aguri, na pista da Honda, parceira de seu time, que compete com pneus japoneses Bridgestone e conta com investimentos, primordialmente, de seu país. Apesar de todo o conhecimento dos 5.807 metros de Suzuka, Yamamoto não foi bem, 28º, 1min38s955. “Me emocionei ao deixar os boxes de manhã”, disse, com forte sotaque japonês.

Quem não conhecia ficou maravilhado com o traçado de Suzuka e lamentou sua saída do calendário. A partir de 2007 será susbtituído pelo circuito de Fuji, de propriedade da Toyota. A nova geração de talentos da Fórmula 1, o polonês Robert Kubica, da BMW Sauber, 21 anos, e o alemão Sebastian Vettel, 18, do mesmo time comentaram o circuito: “Pena eu ter dado apenas 3 voltas com pneus de pista seca. Tenho muito ainda o que descobrir nesse desafiador traçado. Penso que posso ser bem mais rápido.” Ficou em 18.º, 1min36s299. Vettel completou 30 voltas: “Os esses de alta, na sequência da reta dos boxes, é espetacular.” Obteve o 6.º tempo, 1min34s912.