As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Nasce Jesus no Palmeiras

Promessa da base, garoto de 17 anos estreia no time profissional

Luiz Prosperi

07 Março 2015 | 20h42

Gabriel Jesus entrou aos 27 minutos do segundo tempo. O Palmeiras vencia o Bragantino por 1 a 0 na Arena diante de 29 mil torcedores neste sábado de chuva insistente. Ansiosos, os palmeirenses vibraram com o menino, que eles tanto queriam ver jogar. Assustado e empolgado, o garoto quase não pegou na bola. Chapelou um adversário, deu um passe de três dedos deixando Victor Ramos na cara do gol – o chute saiu bisonho.

Aos 44, recebeu um passe de Rafael Marques. Bateu bem de direita, com a bola raspando o pé direito da trave. Quase gol. Aplausos dos torcedores. Três minutos depois, levou uma enxadada do zagueiro. Um susto. Teve ainda uma faísca de uma tentativa de Zé Roberto que, por pouco, não caiu nos pés do garoto para finalizar ao gol. Foi o último lance dele no jogo que marcou sua estreia no time profissional.

Até cavar a vaga entre as “as cobras criadas” e estrear no time de cima, Gabriel chegou com a extraordinária marca de 97 gols nas categorias de base, entre 2012 ao início deste ano de 2015.

Ao sair do campo, Gabriel Jesus, aparelho verde nos dentes, disse que vai enquadrar a camisa usada ontem e pendurar o “troféu” na parede. “Muito gratificante ter esse carinho da torcida. Vou tentar retribuir esse carinho. Sinto um pouco de pressão. Hoje minha cabeça é só Palmeiras e vou fazer de tudo pelo Palmeiras”, disse o garoto acossado por dezenas de jornalistas na saída do gramado da Arena.

Os torcedores esperam por novas chances ao menino que, eles dizem, é uma jóia, um diamante. Pelo pouco que jogou é impossível projetar o futuro do jovem atacante. Relatos de seus colegas e de quem o acompanhou na base apontam para um futuro craque, daqueles que marcam época.

Aos curiosos, caçadores de coincidências, Gabriel Jesus usou ontem a camisa 33. Está na Bíblia: 33, a idade de Jesus de Cristo. O palmeirense espera ser abençoado.