Santista dá motivo para Lucas Lima repensar sua permanência na Vila Belmiro

Torcedor detona patrimônio do clube e pega no pé do meio-campista

Robson Morelli

20 Outubro 2017 | 11h46

O torcedor do Santos perdeu a paciência com seu time. E acabou com a paz na Vila Belmiro. Mais uma vez agiu na contramão do que se pede e cobra, de forma violenta contra o patrimônio do clube. Os muros da Vila foram pichados após o empate do time com o Sport por 1 a 1. Ora. O jogo foi na Ilha do Retiro, contra um time que já esteve na parte de cima da classificação, que tem um bom treinador e jogadores também. Esses torcedores pegam no pé de alguns atletas, como Lucas Lima, que não deve mais ficar no Santos. Só para lembrar: Ganso foi embora pelo mesmo motivo. Não aguentava mais a torcida santista pegando no seu pé. Uma coisa é desaprovar o time, vaiar empate ou derrota, reclamar da apatia do técnico e de alguns jogadores. Outra coisa é partir para a agressão, verbal ou física, contra pessoas ou patrimônio. Se Lucas Lima, por exemplo, não tinha motivos para deixar o Santos, agora tem. E um bom motivo. O Palmeiras está à espera de um “sim” do meia.

 

 

Mais conteúdo sobre:

Santos FCfutebolLucas Lima