COM TV E RÁDIO AO VIVO, SÃO JOSÉ E SPAC DECIDEM SUPER 10 DE RUGBY

brunoromano

28 Setembro 2012 | 18h59

Líderes de seus grupos e invictos até aqui, São José Rugby e SPAC farão neste domingo, às 13h15, a final do Super 10. Será a reedição de uma das semifinais do ano passado, quando o SPAC ficou no caminho e os joseenses venceram o Bandeirantes na decisão. Pela primeira vez na história do rugby brasileiro, a partida que decide o principal título nacional terá transmissão ao vivo da TV e do rádio. Para quem for assistir ao jogo em Embu das Artes, a entrada será gratuita.

Em semifinais equilibradas, o SPAC mostrou organização e garra defensiva ao segurar o Desterro, que até o último segundo lutou por um try. Já o São José resolveu o assunto no segundo tempo contra o Pasteur, confirmando ser um time experiente e que, a qualquer momento, pode fazer uma jogada definidora.

Mais cedo no campeonato, SPAC e São José foram crescendo de produção, criando grupos fortes e cimentando um lugar na decisão. A invencibilidade dá confiança extra para as equipes, o que nos leva a única certeza dessa final: o equilíbrio. Cartões amarelos e excessos de penais podem decidir uma partida que dificilmente terá um placar com diferença maior do que 10 pontos.


A final também é curiosa por colocar depois de muito tempo, frente a frente, a equipe que trouxe o rugby para o Brasil com o time que vem dominando as competições nacionais na última década. O SPAC começa a colher frutos de sua base e consegue mesclar com a experiência de jogadores mais rodados – prática que tem sido um dos segredos do sucesso da equipe do interior de São Paulo, que soma sete títulos desde o primeiro em 2002.

Além de defender o troféu, o São José conta com a melhor campanha até aqui. A diferença no ataque para os segundos melhores pontuadores (o próprio SPAC) é notável. Só na primeira fase, foram 18 trys marcados, apenas três sofridos e 88 de saldo – contra 10 trys a favor, seis contra e 69 pontos no balanço geral do SPAC. Mais do que os pontos feitos, é a defesa que pode fazer a diferença no duelo de domingo.

O SPAC ainda conta com o atual artilheiro do torneio, Leandro Amaral, e o fullback Felipe Claro, o Alemão, maior responsável pelos trys da equipe até aqui. Do lado do São José, a dupla Tanque e Putim, que jogou de half e abertura na semi, deve ser o termômetro dentro de campo, contando ainda com o experiente Alexandre Spani na terceira linha.

Uma final merecida que vai colocar frente a frente as duas equipes que mostraram o melhor rugby XV do torneio. Boa chance para quem quer ver um jogo de rugby aguerrido, disputado e leal. Seja ao vivo em Embu das Artes, na televisão pelo SporTV ou no rádio pela Bradesco Esportes FM, não dá para perder.

FINAL SUPER 10 DE RUGBY – 2012

SÃO JOSÉ X SPAC

Local: Estádio Municipal Hermínio Espósito
Endereço: Alameda Fernando Batista Medina, 120 (Embu das Artes – SP)
Horário: 13h15
Árbitro: Luis Mourão

Fotos: Moisés Nascimento/Fotojump