ENTENDA A ITM CUP: O CELEIRO DOS ALL BLACKS

brunoromano

19 Setembro 2012 | 12h57

A ITM Cup, maior torneio de clubes da Nova Zelândia, é jogado em um novo formato desde 2011. Os 14 times envolvidos defendem suas províncias e são separados em duas divisões: a Cup Championship e a Cup Premiership. A decisão é por méritos, com as melhores equipes duelando na Premiership.

Ao todo, a competição agrega 70 partidas em dois meses. Um pacote de inverno com direito a rugby quase todo dia. As equipes do Championship jogam por uma vaga na divisão de cima. O sistema também prevê rebaixamento do último colocado da chave principal.

As rivalidades no torneio abrangem as duas divisões e chegam a ultrapassar os 100 anos de história. O formato de mata-mata garante com que essas tradições sejam mantidas e os fãs sempre se fazem presentes.
Os times da ITM Cup estão espalhados por todo o país.

Não há apenas jogadores atuando pela glória na sua provincia, mas também atletas buscando contratos do Super XV e honras maiores. Jogadores All Blacks frequentemete retornam para defender sua provincia – e aqueles que não foram chamados para a seleção saem direto do Super XV para o torneio.

Trata-se de uma competição semi profissional, já que mistura atletas que vivem somente do esporte e jogadores de clubes amadores. São atletas de destaque, que ganham a chance de jogar pela sua provincia e sonham em se tornar a nova sensação no rugby neozelandês.

Alguns dos destaques da competição ficam por conta de Canterbury, Auckland, Waikato, Wellington e Otago, que também tem franquias no Super XV. Mas o verdadeiro atrativo da ITM Cup é a rivalidade e qualidade dos jogos, que permite que qualquer provincia consiga se consagrar, até mesmo as pequenas (como mostra o video abaixo).

O torneio está na sua metade. Ainda falta um mês de ação, com direito às semis e finais, a serem jogadas entre 19 e 27 de outubro. A ITM Cup é conhecida pela velocidade e juventude, pela alta intensidade dos duelos e enormes rivalidades. É a estrada para a maioria dos jogadores neozelandeses e, com certeza, a garantia de ver velhas e, principalmente, novas estrelas All Blacks.

Tasman Makos vencem o Canterbury, campeões da ITM Cup ano passado:

Para mais informações acesse: www.itmcup.co.nz

Fotos: Canterbury reprodução rugbynews.co.nz; SBW reprodução espnscrum.com