USA Today Sports
USA Today Sports

Ex-jogador da NBA, brasileiro Fab Melo morre aos 26 anos

Pivô foi encontrado morto em sua casa, na cidade mineira de Juiz de Fora

Estadao Conteudo

12 Fevereiro 2017 | 11h46

Ex-jogador da NBA, com passagens por Boston Celtics, Memphis Grizzlies e Dallas Mavericks, o pivô Fabrício Melo morreu neste sábado, na cidade mineira de Juiz de Fora. Aos 26 anos, Fab Melo, como é conhecido, foi encontrado morto em sua casa. Pelas informações iniciais, ele teria sofrido uma parada cardíaca.

O velório do jogador que já defendeu a seleção brasileira está marcado para as 13 horas deste domingo. O enterro acontecerá na manhã de segunda-feira, às 8 horas, no Cemitério Municipal de Juiz de Fora.

Fab Melo iniciou sua carreira no basquete em projetos de Juiz de Fora. De lá, foi aos Estados Unidos, onde se destacou jogando pelo Universidade de Syracuse, em Nova York. Lá foi escolhido o melhor jogador defensivo do ano na conferência Big East, o que chamou a atenção do Boston Celtics, que o escolheu no draft em 2012.

Com poucas chances na grande equipe, passou a defender o Maine Red Claws, da Liga de Desenvolvimento da NBA, e em seguida foi contratado pelo Memphis Grizzlies. Em 2013, teve sua última oportunidade na liga norte-americana, pelo Dallas Mavericks. Depois, atuou novamente na Liga de Desenvolvimento, desta vez pelo Texas Legends.

"A NBA lamenta o falecimento do brasileiro Fab Melo, ex-jogador de Boston Celtics, Memphis Grizzlies e Dallas Mavericks, ocorrido neste sábado. Nossos sentimentos aos familiares, amigos e fãs", escreveu a direção da liga norte-americana, nas redes sociais.

Fora da NBA, ele defendeu o Caciques de Humacao, de Porto Rico. E, no Brasil, jogou pelo Paulistano (SP), Liga Sorocabana (SP) e pelo Brasília (DF). Na seleção, jogou o Sul-Americano Cadete do Uruguai, em 2006, e o Sul-Americano Sub-17 da Venezuela, em 2007.

A Confederação Brasileira de Basquete (CBB) também lamentou a morte de Fab Melo. "A CBB lamenta o falecimento de Fabrício Melo e se solidariza aos seus familiares e amigos nesse momento de muita tristeza."

Mais conteúdo sobre:
Fabrício Melo basquete

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.