Febre amarela pode tirar Lituânia do Mundial de basquete

A seleção da Lituânia pode ficar de fora do Mundial feminino de basquete do Brasil por causa uma epidemia de febre amarela existente na Guiana Francesa. O torneio começa a ser disputado nesta terça-feira, em São Paulo e Barueri. Segundo o jornal lituano Lietuvos Rytas, a equipe européia realizou sua preparação para o torneio nas Antilhas Francesas, de onde iriam viajar para Belém, no Pará. O vôo, no entanto, foi cancelado e a delegação teve que fazer uma escala na Guiana Francesa, que está sofrendo com a doença. Por causa das disseminação da doença, o Brasil proíbe a entrada de passageiros procedentes desta região sem uma vacina contra a febre amarela. As autoridades também exigem um período de dez dias de quarentena. Campeã européia em 1997, a Lituânia está no Grupo B do Mundial, ao lado da Austrália, Canadá e Senegal. O primeiro confronto da equipe está programado para acontecer nesta terça-feira, contra as australianas, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.

Agencia Estado,

11 Setembro 2006 | 10h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.