Troy Taormina / USA Today Sports
Troy Taormina / USA Today Sports

Nenê se machuca, mas Harden brilha, Rockets bate Spurs e empata semi em 2 a 2

Com grande partida de Bradley Beal e John Wall, Wizards também empata série

Estadão Conteudo

08 Maio 2017 | 09h46

Impulsionado principalmente por mais uma grande atuação de James Harden, o Houston Rockets venceu o San Antonio Spurs por 125 a 104, em casa, na noite deste domingo, e empatou em 2 a 2 a série melhor de sete jogos entre os dois times pela semifinal da Conferência Oeste da NBA.

Com 28 pontos, o astro foi o cestinha da partida e ainda garantiu um "double-double" ao dar 12 assistências em um jogo no qual o Rockets perdeu o brasileiro Nenê já no primeiro quarto do duelo por motivo de lesão. O pivô, que vive grande fase pela equipe, acusou um problema na virilha e foi levado a um hospital para realizar exames e saber a real gravidade da lesão.

Antes de se machucar, Nenê jogou por apenas dois minutos e ajudou o time da casa com quatro pontos. A ausência do brasileiro, entretanto, foi suprida com eficiência pelo bom conjunto do Rockets, que também contou com bela atuação do suplente Eric Gordon, autor de 22 pontos, sendo 18 deles contabilizados por meio de cestas da linha dos três.

Com o bom resultado, o Rockets no mínimo já assegurou a disputa de um sexto jogo da série em seus domínios, na quinta-feira, depois de voltar a encarar o Spurs nesta terça, às 21 horas (de Brasília), em San Antonio, no quinto confronto entre as duas equipes nestes playoffs da NBA.

E, diante de seus torcedores, o Spurs tentará reagir, elevar o seu nível de atuação e justificar a condição de vice-líder da Conferência Oeste na temporada regular. Neste domingo, a equipe ficou devendo um melhor desempenho ofensivo, pois teve como maior cestinha o reserva Jonathon Simmons, com 17 pontos. Já Kawhi Leonard e LaMarcus Aldridge, dois principais nomes do Spurs, fizeram apenas 16 pontos cada um.

WIZARDS TAMBÉM EMPATA SÉRIE

No outro duelo realizado no final da noite deste domingo, o Washington Wizards também fez valer com autoridade o fator quadra ao derrotar o Boston Celtics por 121 a 102, na capital norte-americana, e empatar em 2 a 2 a série que trava contra o adversário pelas semifinais da Conferência Leste.

Assim, o Wizards também voltará a colocar pressão sobre o Celtics no quinto jogo desta semifinal, marcado para esta quarta-feira, às 21 horas (de Brasília), em Boston. E, assim como acontece com o Rockets contra o Spurs, no mínimo o time de Washington fará um sexto duelo da série em casa, na sexta-feira.

O que mais impressionou no triunfo deste domingo em Washington foi a atuação arrasadora dos anfitriões no terceiro quarto do duelo, no qual chegaram a marcar incríveis 26 pontos seguidos sem que o seu rival contabilizasse ao menos um.

Para isso, o Wizards contou com forte atuação coletiva. Bradley Beal foi o cestinha do duelo pelo time da casa, com 29 pontos, enquanto John Wall fez um expressivo "double-double" de 27 pontos e 12 assistências. E a equipe ainda contou com Markieff Moris somando dois dígitos em dois fundamentos ao marcar 16 pontos e pegar 12 rebotes, enquanto Otto Porter Jr contabilizou 18.

Pelo lado do Celtics, pesou a atuação muito ruim no terceiro quarto, depois de ter terminado a primeira metade do confronto empatado em 48 a 48 com o Wizards. Isaiah Thomas, com 19 pontos, foi o cestinha dos visitantes, que tiveram também Terry Rozier somando 16.

JOGO DESTA SEGUNDA

Os playoffs da NBA seguem nesta segunda-feira com a disputa de apenas uma partida. Liderando a semifinal do Oeste por 3 a 0, o Golden State Warriors terá a chance de se garantir na decisão da conferência em duelo contra o Utah Jazz, às 22 horas (de Brasília), em Salt Lake City.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.