Palmira é cortada da seleção de basquete feminino

A ala Karen Gustavo, de 22 anos, jogadora do Ourinhos, foi convocada neste domingo para integrar a seleção brasileira feminina de basquete, no lugar de Palmira, cortada do grupo por contusão. Palmira tem mioentesite crônica de Ischio no quadril, do lado direito, e precisa, segundo o médico Carlos Eduardo Marques, de um repouso de três semanas antes de voltar às quadras. Assim, não teria tempo de jogar o Mundial. Karen é de uma família de jogadores de basquete: sobrinha de Roseli, que integrou a geração campeã mundial em 1994, irmão de Sílvia, que está com a seleção e prima do armador Nezinho. Karen já estava no grupo, foi cortada depois do Sul-Americano, e agora volta. ?Ela já está adaptada?, observou o técnico Antônio Carlos Barbosa, que também confirmou o corte da 13ª jogadora do grupo, a pivô Mama. A seleção brasileira estréia na terça, às 15h15, contra a Argentina, pelo Grupo A, no Ginásio do Ibirapuera. Ainda enfrentará a Coréia (quarta-feira) e Espanha (quinta). O Grupo B, também no Ibirapuera, terá Lituânia, Austrália, Senegal e Canadá.

Agencia Estado,

10 Setembro 2006 | 19h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.