Rússia ganha dos Estados Unidos e vai à final do Mundial

A seleção da Rússia surpreendeu e venceu a então favorita ao título Estados Unidos por 75 a 68, nesta quinta-feira à noite, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP), garantindo assim sua classificação para a final do Mundial feminino de basquete. A surpresa ocorre porque o time norte-americano havia ganho todos os jogos deste torneio e era a atual bicampeã. Com isso, no sábado, as russas decidirão o título contra a Austrália. Já as norte-americanas enfrentarão o Brasil na decisão de terceiro lugar (às 9h30, com Globo, ESPN Brasil e SporTV 2). Mesmo com a derrota, Diana Taurasi, dos Estados Unidos, foi a cestinha da partida, com 21 pontos. No complemento dos jogos do dia, a Argentina ganhou do Canadá por 74 a 57 (31 a 30 no primeiro tempo) e garantiu assim o nono lugar da competição. O jogo foi disputado em Barueri (SP) e a cestinha da partida foi a argentina Vega, com 21 pontos. As canadenses, com a derrota, ficam em décimo lugar. Depois, a Lituânia bateu a Espanha por 80 a 71 (30 a 30 no primeiro tempo) e se classificou para a decisão de quinto lugar, que será contra a França. A cestinha da partida foi a espanhola Valdemoro, com 28 pontos. O jogo será nesta sexta-feira, às 17h30, no Ibirapuera. Já as espanholas enfrentarão antes, às 15h15, a República Checa, na briga pelo sétimo lugar.

Agencia Estado,

21 Setembro 2006 | 21h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.