Monica M Davey / EFE
Monica M Davey / EFE

Warriors aproveita ausência de Leonard, massacra Spurs e abre 2 a 0

Vitória foi a mais expressiva do Golden State nos playoffs dessa temporada

Estadão Conteúdo

17 Maio 2017 | 09h06

O Golden State Warriors não encontrou qualquer dificuldade para abrir 2 a 0 na final da Conferência Oeste da NBA. Na noite de terça-feira, o time de Oakland não encontrou qualquer resistência do San Antonio Spurs, que sofreu com a ausência do lesionado Kahwi Leonard, para superá-lo por 136 a 100.

Atônito, o técnico Gregg Popovich criticou o comportamento dos seus jogadores. "Para mim, o importante é o esforço coletivo. Não acredito que este tenha sido o caso de um jogador que não acreditou em si mesmo e que contagiou os demais e algo assim", disse o treinador do Spurs. "Como grupo, simplesmente se deixaram cair. Não saímos para jogar, sentimos pena de nós mesmos. Precisamos voltar para jogar a terceira partida e ver quem somos".

Stephen Curry totalizou 29 pontos pelo Warriors, além de ter acumulado sete rebotes e sete assistências nos três períodos em que ficou em quadra. Kevin Durant marcou 16 pontos e Draymond Green teve mais uma atuação completa ao somar 13 pontos, nove rebotes, seis assistências, duas roubadas de bola e dois tocos.

O novato Patrick McCaw somou 18 pontos e cinco assistências como reserva, tendo acertado seis de oito arremessos de quadra. Com essas contribuições, o Warriors conseguiu a sua vitória mais expressiva nos playoffs desta temporada, sendo que ainda está invicto, com dez vitórias.

"Os caras jogaram com um senso de urgência desde o início e continuaram fazendo durante 48 minutos", disse Mike Brown, que comandou o Warriors na quadra, pois o técnico Steve Kerr ficou no vestiário, com um problema na coluna vertebral.

Jonathan Simmons marcou 22 pontos, incluindo 17 no primeiro tempo, tendo uma das poucas atuações destacadas do Spurs, que foi dominado pelo Warriors. O time da casa nunca teve a sua vitória ameaçada, indo ao intervalo vencendo por 72 a 44. Para isso, teve aproveitamento de 56,2% dos arremessos de quadra contra 37% dos oponentes.

Leonard sofreu lesão no tornozelo esquerdo no domingo, quando o Spurs perdeu o primeiro encontro da série por 113 a 111. O astro agravou um problema que já tinha ao pisar no pé de Zaza Pachulia depois de um arremesso. Agora, na noite de terça, foi o pivô titular do Warriors que se lesionou, no calcanhar direito machucado, tendo atuado por apenas seis minutos.

A terceira partida da série melhor de sete jogos está agendada para o próximo sábado em San Antonio. Já a decisão da Conferência Leste começa nesta quarta-feira com o primeiro duelo entre Boston Celtics e Cleveland Cavaliers, no TD Garden.

Mais conteúdo sobre:
basquete NBA San Antonio Spurs

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.