1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Adilson Batista garante que Vasco está vivo, mas lamenta erros

Estadão Conteúdo

27 Agosto 2014 | 08h 49

Técnico reconhece que sua equipe teve atuação ruim no empate por 1 a 1 com ABC, em São Januário, no jogo de ida das oitavas de final

O técnico Adilson Batista reconheceu que o Vasco teve atuação ruim na noite de terça-feira, no empate por 1 a 1 com o ABC, em São Januário, no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, mas garantiu que o time continua vivo na competição, mesmo que vá decidir a classificação em situação desfavorável e fora de casa, em Natal, na próxima semana.

"Tem mais 90 minutos na casa do adversário, que o Vasco tem a oportunidade de vencer o jogo. Pecamos no primeiro tempo, errando muito, tendo dificuldades e deixando o adversário fazer o gol. No segundo tempo, eu vi uma melhora. Vi o Kléber sair um pouco mais e criamos mais oportunidades", disse.

O treinador avaliou que "faltou capricho" aos jogadores vascaínos nos momentos de definição e admitiu que seu time teve dificuldades para encontrar espaços na fechada defesa do ABC.

"Teve um chute do Kléber, uma outra situação do fundo que a gente não caprichou. O time deles tinha um zagueiro na lateral, estava alto. Nós erramos muitos passes, tentamos rodar e erramos. O adversário estava fechado, tiveram uma cabeçada no segundo tempo. Nem sempre é o excesso de atacante que faz um time ser ofensivo. Mas eu achei que era a oportunidade de entrar com os três", comentou.

Adilson também explicou a improvisação feita na lateral direita do Vasco durante o segundo tempo. Com Carlos Cesar solicitando substituição, o treinador promoveu a entrada do paraguaio Aranda, passando o volante Fabrício para a lateral.

"O Carlos César pediu para sair e sentiu um incômodo. E foi muito a frente no primeiro tempo. Já tinha sinalizado umas três vezes. Coloquei o Fabrício para chegar e ele chegou. O Aranda ficou no meio para pegar o Xuxa (meia do ABC)", explicou.

O jogo de volta entre Vasco e ABC será disputado na próxima terça-feira na Arena das Dunas. Antes, no próximo sábado, o time carioca entra em campo diante do Avaí, em São Januário, pela 19ª rodada da Série B.