Thiago Lucca/Flamengo de Santa Felicidade
Thiago Lucca/Flamengo de Santa Felicidade

Antes de assumir Palmeiras, Cuca visita amigos e dá autógrafo para 'rival'

Treinador comparece à partida de futebol amador em Curitiba e assina camisa de dirigente de time adversário

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

08 Maio 2017 | 20h33

O agora técnico do Palmeiras, Cuca, usou o último fim de semana para se despedir do período de folga. O treinador esteve com amigos do Flamengo de Santa Felicidade, time amador de Curitiba, e no encontro, no último sábado, distribuiu cumprimentos e autógrafos antes de viajar para São Paulo, onde nesta terça-feira reinicia no comando do atual campeão brasileiro.

Desde que deixou o Palmeiras, em dezembro, Cuca usou o tempo livre para jogar como atacante na categoria para jogadores de mais de 50 anos do time do bairro onde reside na capital paranaense. No último sábado, mesmo com lesão na panturrilha e sem poder atuar, o técnico foi prestigiar o jogo da equipe contra o Vasco da Gama, do bairro do Pilarzinho, em encontro considerado um clássico do futebol amador de Curitiba. A equipe de Cuca ganhou por 3 a 0.

Durante a despedida, ele cumprimentou os amigos, posou para fotos e autografou a camisa do Palmeiras do diretor do time 'rival'. O dirigente do Vasco do Pilarzinho, Vanderlei Domingos, levou a peça para que o novo treinador da equipe alviverde deixasse sua assinatura. Na categoria "cinquentinha" do Flamengo de Santa Felicidade jogam amigos de longa data de Cuca, além de um primo, que é zagueiro.

O novo treinador do Palmeiras viajou para São Paulo de carro, nesta segunda-feira. O clube pretende apresentá-lo na terça no horário do almoço. A reestreia será contra o Vasco, no próximo domingo, no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro.

Mais conteúdo sobre:
Palmeiras Cuca Cuca (técnico) Curitiba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.