1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Após abalo por Neymar, seleção tem manhã tranquila

LEANDRO SILVEIRA - Agência Estado

05 Julho 2014 | 11h 23

A manhã de sábado é de movimentação praticamente nula na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), após a classificação da seleção brasileira para as semifinais da Copa do Mundo, assegurada com a vitória por 2 a 1 sobre a Colômbia, em Fortaleza, na última sexta-feira, que acabou sendo ofuscada pela lesão sofrida pelo atacante Neymar, que não terá condições de seguir na competição.

Apesar disso, Neymar retornou para a Granja Comary na madrugada deste sábado, em uma ambulância, acompanhado pelo seu pai, Neymar da Silva Santos. Enquanto isso, os demais jogadores entraram no centro de treinamentos, pouco depois das 3 horas, através do ônibus da seleção.

Na Granja Comary, os jogadores comeram pizzas, como tradicionalmente tem acontecido após cada partida da Copa. Mas, claro, não havia clima para comemorações, pois todos passaram a exibir abatimento a partir do momento em que receberam a notícia de que Neymar fraturou uma das vértebras, o que o deixará fora das semifinais da Copa e também de uma eventual decisão.

Neymar se contundiu após levar uma joelhada de Zuñiga nos minutos finais da vitória por 2 a 1 sobre a Colômbia, sendo substituído imediatamente. O atacante, então, deixou o Castelão imediatamente e seguiu para um hospital, onde foi confirmada a fratura.

Como chegaram apenas depois das 3 horas ao centro de treinamentos da seleção, os jogadores dormiram tarde, após se alimentarem. Então, todos eles estão aproveitando a manhã em Teresópolis para repousarem após a classificação do Brasil.

A seleção, porém, tem compromissos agendados para o período da tarde. Às 16 horas, o médico José Luiz Runco concederá entrevista coletiva em que vai detalhar os próximos passos da recuperação de Neymar. Além disso, os reservas vão treinar na Granja Comary, enquanto os titulares diante da Colômbia irão fazer trabalhos regenerativos.

A comissão técnica precisa decidir rapidamente quem será o substituto de Neymar para o duelo de terça-feira com a Alemanha, pelas semifinais da Copa. O técnico Luiz Felipe Scolari deve optar entre os meias Willian e Hernanes, o meia-atacante Bernard ou a utilização de um time com três volantes - Luiz Gustavo, Fernandinho e Paulinho.

Além de Neymar, o Brasil terá outro desfalque diante da seleção alemã, pois o zagueiro Thiago Silva recebeu o segundo cartão amarelo e cumprirá suspensão automática no Mineirão.

Copa 2014