Assine o Estadão
assine

Esportes

Paulo Henrique Ganso

Após vitória sofrida, Ganso lamenta ausência no clássico contra o Santos

Autor do passe do gol diz que levou amarelo por não saber marcar

0

Gonçalo Junior,
Estadão Conteúdo

24 Março 2016 | 00h22

O meia Paulo Henrique Ganso, melhor jogador do São Paulo nas últimas partida e autor da assistência para o gol de Calleri nesta quarta-feira diante do Botafogo, está fora do clássico contra o Santos, na Vila Belmiro, no próximo domingo, pela 12ª rodada do Paulistão. Ele recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória por 1 a 0 no Pacaembu.

"Infelizmente estou fora do clássico. Quando tem que marcar, a gente leva cartão por não saber marcar direito", lamentou o meia, que teve atuação razoável na partida desta quarta-feira. "É difícil ficar fora do clássico. É uma partida que todos gostam de jogar e é uma partida que precisamos vencer", completou.

O técnico Edgardo Bauza também lamentou a ausência de Ganso. "É um dos jogadores mais importantes do grupo. Ele tem condições de fazer gols e também de dar passes, como vem fazendo nas últimas partidas. Ele tem condições de fazer bem todas essas coisas", disse o comandante em entrevista coletiva na noite desta quarta-feira.

Apesar das dificuldades - o gol saiu apenas aos 44 minutos da segunda etapa -, Ganso afirma que o São Paulo fez uma boa partida. "Tivemos uma boa atuação. É difícil jogar contra uma equipe que coloca os 11 jogadores atrás. Nós batalhamos e fizemos o gol", afirmou o camisa 10.