Assine o Estadão
assine

Esportes

Inter

Argel reconhece atuação ruim do Inter contra o Passo Fundo

Embora o Internacional tenha conquistado a sua primeira vitória neste Campeonato Gaúcho ao bater o Passo Fundo por 2 a 1, na noite de quinta-feira, no Beira-Rio, o técnico Argel Fucks não ficou satisfeito com a atuação da equipe colorada, que anteriormente havia estreado na competição com um empate por 0 a 0 com o São José.

0

Estadão Conteúdo

12 Fevereiro 2016 | 09h48

O comandante, entretanto, encarou com naturalidade o desempenho do time, tendo em vista o fato de que ainda é início de temporada. Além disso, o comandante voltou a reconhecer que ainda luta para definir a melhor formação titular da equipe.

"Não fizemos uma boa partida, estamos evoluindo ainda, temos uma carga de trabalho muito grande e isso é normal, são apenas 32 dias de trabalho. Controlamos o jogo, tivemos posse de bola, mas temos de louvar o adversário. Se tivesse jogado assim todos os jogos, não estaria nessa situação (ocupa a lanterna do Campeonato Gaúcho, com três derrotas em três jogos)", analisou o treinador.

Argel também classificou como "normal" o fato de o Inter ter sido vaiado pela sua torcida durante o confronto. "O torcedor paga o ingresso, tem o direito de vir aqui, elogiar ou não... As pessoas querem 4 a 1, 5 a 1, porque o Inter é um clube grande. Estamos testando alternativas táticas, dando oportunidades aos jogadores, mas temos uma espinha dorsal definida", completou.

Depois de ter superado o Passo Fundo, o Inter voltará a jogar pelo Campeonato Gaúcho neste domingo, às 17 horas, contra o Aimoré, fora de casa.

Comentários