Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Esportes

Esportes » Atlético-MG empata e dá adeus à Copa Sul-Minas-Rio sem vitórias

Futebol

Bruno Cantini

Atlético-MG empata e dá adeus à Copa Sul-Minas-Rio sem vitórias

Equipe fica no empate com o América-MG no Independência

0

Estadão Conteúdo

02 Março 2016 | 21h45

O Atlético Mineiro se despediu da Copa Sul-Minas-Rio, nesta quarta-feira à noite, com um empate por 1 a 1 com o América-MG, no estádio Independência, pela terceira rodada do Grupo 3. Focado na Copa Libertadores, o Atlético somou seu primeiro ponto e fechou a competição na lanterna do Grupo C, com um ponto, depois de ter sido derrotado nas duas partidas anteriores que fez no torneio.

Assim, o time atleticano ficou atrás de Figueirense, com três pontos, América, com quatro, e Flamengo, com seis - os flamenguistas encaram o time catarinense no próximo dia 9, em Brasília, no fechamento desta chave.

Aproveitando que o rival entrou em campo com um time recheado de reservas, o América apostou na velocidade para tentar pressionar o Atlético no início da partida. Logo aos dois minutos, Bruno Sávio foi lançado em profundidade, ganhou do goleiro Giovanni, mas com o gol livre acabou chutando para fora, desperdiçando grande oportunidade de abrir o marcador no Independência.

O Atlético foi responder apenas aos 17 minutos. Thiago Ribeiro tentou de longe, a bola desviou em Sueliton e por pouco não surpreendeu João Ricardo, que fez grande defesa. Após o susto, o América voltou a dominar o confronto e perdeu outra chance inacreditável aos 43 minutos. Osmar lançou para Tony. O volante evitou a saída da bola e rolou para Sávio, que mandou na trave. Antes, Giovanni já havia feito um milagre no chute de Osman.

O segundo tempo continuou movimentado e com os goleiros brilhando. Aos sete minutos, Giovanni buscou no ângulo a cobrança de falta de Jonas, salvando o Atlético, que tentou com Júnior Urso. João Ricardo pegou. Aos 18 minutos, porém, a equipe mandante surpreendeu ao abrir o marcador. Após jogada ensaiada no escanteio, Dátolo arriscou o chute cruzado. A bola desviou na defesa adversária e enganou o goleiro.

Atrás do placar, o América teve que ir para o tudo ou nada e acabou buscando o empate aos 25 minutos. Giovanni foi sair jogando, mas colocou a bola nos pés de Rafael Bastos, que acertou um belo chute do meio da rua.

A situação do Atlético piorou logo na sequência. Tiago acertou o rosto de Victor Rangel, levou o segundo amarelo e acabou expulso. Com um homem a mais, o América tentou, mas não conseguiu fazer o gol da vitória, ficando assim com chances remotas de classificação à próxima fase da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.