1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Atlético-MG empata e dá adeus à Copa Sul-Minas-Rio sem vitórias

- Atualizado: 02 Março 2016 | 22h 07

Equipe fica no empate com o América-MG no Independência

O Atlético Mineiro se despediu da Copa Sul-Minas-Rio, nesta quarta-feira à noite, com um empate por 1 a 1 com o América-MG, no estádio Independência, pela terceira rodada do Grupo 3. Focado na Copa Libertadores, o Atlético somou seu primeiro ponto e fechou a competição na lanterna do Grupo C, com um ponto, depois de ter sido derrotado nas duas partidas anteriores que fez no torneio.

Assim, o time atleticano ficou atrás de Figueirense, com três pontos, América, com quatro, e Flamengo, com seis - os flamenguistas encaram o time catarinense no próximo dia 9, em Brasília, no fechamento desta chave.

Aproveitando que o rival entrou em campo com um time recheado de reservas, o América apostou na velocidade para tentar pressionar o Atlético no início da partida. Logo aos dois minutos, Bruno Sávio foi lançado em profundidade, ganhou do goleiro Giovanni, mas com o gol livre acabou chutando para fora, desperdiçando grande oportunidade de abrir o marcador no Independência.

Atlético-MG termina primeira edição da Sul-Minas-Rio sem vitória
Atlético-MG termina primeira edição da Sul-Minas-Rio sem vitória

O Atlético foi responder apenas aos 17 minutos. Thiago Ribeiro tentou de longe, a bola desviou em Sueliton e por pouco não surpreendeu João Ricardo, que fez grande defesa. Após o susto, o América voltou a dominar o confronto e perdeu outra chance inacreditável aos 43 minutos. Osmar lançou para Tony. O volante evitou a saída da bola e rolou para Sávio, que mandou na trave. Antes, Giovanni já havia feito um milagre no chute de Osman.

O segundo tempo continuou movimentado e com os goleiros brilhando. Aos sete minutos, Giovanni buscou no ângulo a cobrança de falta de Jonas, salvando o Atlético, que tentou com Júnior Urso. João Ricardo pegou. Aos 18 minutos, porém, a equipe mandante surpreendeu ao abrir o marcador. Após jogada ensaiada no escanteio, Dátolo arriscou o chute cruzado. A bola desviou na defesa adversária e enganou o goleiro.

Atrás do placar, o América teve que ir para o tudo ou nada e acabou buscando o empate aos 25 minutos. Giovanni foi sair jogando, mas colocou a bola nos pés de Rafael Bastos, que acertou um belo chute do meio da rua.

A situação do Atlético piorou logo na sequência. Tiago acertou o rosto de Victor Rangel, levou o segundo amarelo e acabou expulso. Com um homem a mais, o América tentou, mas não conseguiu fazer o gol da vitória, ficando assim com chances remotas de classificação à próxima fase da competição.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX