Atlético-MG vence clássico por 4 a 3

O Atlético-MG venceu o América-MG, neste sábado, no Mineirão, por 4 a 3, e manteve as esperanças de se classificar para a próxima fase da Copa Sul-Minas. O time alvinegro soma agora 15 pontos em dez partidas. Já o América, com 12 pontos ganhos, em 11 jogos, não tem mais chances de chegar às semifinais da competição regional. Djair, Mancini e Guilherme, duas vezes, fizeram os gols atleticanos, enquanto Renaldo, Alexandre Silva e Tucho marcaram para o América. As duas equipes entraram em campo com a responsabilidade de vencer, o que se revelou ser o prenúncio de um jogo de muitos gols. O Atlético saiu na frente. Aos 13 minutos, o volante Djair cobrou com violência uma falta na intermediária adversária e acertou o canto esquerdo do goleiro Laílson, fazendo 1 a 0 para o Galo. A resposta do América, contudo, foi imediata. Um minuto depois, o atacante Renaldo aproveitou boa jogada pela esquerda do companheiro de frente, Rinaldo, e, de cabeça, empatou. O jogo continuou aberto. Aos 24 minutos, o goleiro americano não segurou uma falta cobrada pelo meia Rodrigo e o atacante Guilherme cabeceou para colocar o Atlético novamente à frente do marcador e anotar o seu centésimo gol com a camisa alvinegra. Na etapa final, o time de Levir Culpi voltou melhor na partida e desperdiçou boas oportunidades para ampliar. Mas foi o Coelho quem se aproveitou e, aos 22 minutos, após outra grande jogada de Rinaldo, o meio-campista Alexandre Silva empatou novamente. Desta vez, porém, foi o Atlético quem reagiu rapidamente e, dois minutos depois, o lateral-direito Mancini fez 3 a 2. Faltando três minutos para o fim do tempo regulamentar, Guilherme recebeu passe de Marques fez o seu segundo gol na partida e o quarto do Galo. Tucho, cobrando falta, ainda descontou nos acréscimos do árbitro.

Agencia Estado,

16 Março 2002 | 18h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.