Bruno Cantini/Atletico
Bruno Cantini/Atletico

Atlético-MG volta a treinar e Alex Silva é liberado para enfrentar o São Paulo

Time de Oswaldo de Oliveira está na 9ª colocação do Brasileirão com 34 pontos

Estadão Conteúdo

07 Outubro 2017 | 17h18

Depois de perder a final da Copa da Primeira Liga na última quarta-feira para o Londrina, nos pênaltis, o Atlético Mineiro voltou a treinar neste sábado e iniciou a sua preparação para encarar o São Paulo nesta quarta, em Belo Horizonte, pela 27.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

+ Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

+ Leia mais notícias sobre o Atlético-MG

+ Oswaldo diz que Londrina mereceu e Atlético-MG poderia ter 'jogado melhor'

+ São Paulo quer aproveitar mau retrospecto do Atlético-MG como mandante

E a boa novidade no treino foi a presença do lateral-direito Alex Silva. Após sofrer uma pancada no cotovelo direito na derrota para o Londrina, ele foi liberado pelo departamento médico, treinou normalmente e deve enfrentar o São Paulo.

Se Alex Silva está confirmado, Marcos Rocha ainda sente um incômodo no joelho e fez um trabalho de transição do departamento médico para a preparação física. Queixando-se de dores musculares, por sua vez, o atacante Luan também treinou à parte.

Enquanto os atletas que iniciaram a partida na última quarta-feira fizeram apenas um trabalho físico na academia e um treino técnico, os demais jogadores disputaram um coletivo contra a equipe B do Atlético Mineiro. O time foi formado por: Uilson; Bremer, Mancini, Erazo e Mansur; Yago, Roger Bernardo, Leonan e Marlone; Clayton e Rafael Moura.

Com 34 pontos, o Atlético Mineiro está a cinco do Flamengo, que hoje estaria classificado à Copa Libertadores, e quatro na frente da zona de rebaixamento. "Buscamos uma sequência de vitórias para que não corramos mais riscos. Pensamos ainda em Libertadores", comentou o volante Adilson neste sábado. "O trabalho está sendo bem feito, estamos fazendo o nosso melhor".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.