Atlético-PR vence na Libertadores

Com dois gols em cobrança de falta de Luizinho Neto, o Atlético Paranaense venceu o Olmedo, do Equador, por 2 a 0, nesta terça-feira à noite, na Arena da Baixada, em Curitiba, e voltou a sonhar com a classificação para a próxima fase da Copa Libertadores da América. O campeão paranaense, com cinco pontos, precisa vencer a última partida contra o América, em Cali, e torcer para uma combinação de resultados. América e Bolívar, que têm os mesmos cinco pontos, jogam entre si na quinta-feira. A tranqüilidade da liderança do grupo, com nove pontos, fez com que o Olmedo se trancasse em sua defesa, esperando que o Atlético cometesse algum erro para partir no contra-ataque. No entanto, o time paranaense estava bem postado em campo, jogando com velocidade e com domínio da partida, principalmente no meio-de-campo, onde os jogadores podiam se movimentar sem serem importunados pelos adversários. Mas as jogadas mais perigosas aconteciam em lançamentos, sobretudo por parte de Kléberson, faltando a finalização, visto que os atacantes Adauto e Dagoberto - Kléber sentiu dores na perna direita e ficou fora da partida - são jogadores mais velocistas, que preferem buscar a bola do que esperá-la dentro da área. Aos 27 minutos, no primeiro chute perigoso do Atlético em direção ao gol, em cobrança de falta Luizinho Neto colocou o campeão brasileiro na frente. Apesar do placar desfavorável, o Olmedo continuou com a mesma proposta de jogo, sem incomodar o goleiro Flávio. Mas o Atlético não soube aproveitar os espaços que o adversário dava para ampliar o placar. O técnico Geninho, no vestiário, insistiu para que os jogadores tivessem calma, mas eles voltaram para o segundo tempo com a mesma afobação e não conseguiam boas finalizações, apesar da forte pressão sobre a defesa equatoriana. O segundo gol veio somente aos 39 minutos, em nova cobrança de falta por Luizinho Neto. Pelo grupo 3 da competição, o Real Potosí aplicou nesta terça-feira uma goleada histórica no Peñarol: 6 a 1 e somou seis pontos. O time uruguaio lidera o grupo com nove pontos. A rodada desta terça-feira da Libertadores teve ainda os seguintes resultados: Grupo 2 - 12 de Octubre (PAR) 1 x 0 Cienciano (PER) Grupo 3 - El Nacional (EQU) 3 x 0 San Lorenzo (ARG) Grupo 8 - Once Caldas (COL) 2 x 1 Olímpia (PAR)

Agencia Estado,

19 Março 2002 | 21h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.