Autuori pede que Atlético-PR esqueça má fase para buscar vaga no Chile

Paranaenses enfrentam Universidad Católica nesta quarta-feira

Estadao Conteudo

16 Maio 2017 | 21h14

O técnico Paulo Autuori se disse "incomodado com o mau rendimento" do Atlético-PR nas últimas semanas. Já são cinco partidas sem vencer, mas a equipe brasileira terá que esquecer este retrospecto se quiser buscar o triunfo e, consequentemente, a vaga nas oitavas de final da Libertadores diante da Universidad Católica, nesta quarta-feira, no Chile.

"O que me incomoda é o mau rendimento. E isso tem ocorrido. Há problemas individuais e há problemas coletivos. Nos coletivos, a responsabilidade é sempre do treinador. E os erros individuais são em função daqueles que os cometem. Então, está na hora de acertarmos as duas situações", declarou o treinador nesta terça-feira.

Neste período sem resultados positivos, o Atlético-PR caiu diante do rival Coritiba na decisão do Campeonato Paranaense, perdeu a chance de se classificar na Libertadores contra o San Lorenzo, em plena Arena da Baixada, e foi goleado por 6 a 2 pelo Bahia na estreia do Brasileirão. Mesmo assim, Autuori fez questão de ressaltar a confiança em seus comandados.

"Esperamos a classificação. Tivemos a oportunidade, em um grupo difícil como este, de ser o primeiro clube a se classificar e perdemos esta chance. Tenho certeza que teremos uma exibição competitiva e espero que permita alcançar o objetivo que a gente pretende, que é nos classificarmos."

Para o confronto de quarta, o treinador poderá contar com o retorno de dois jogadores recuperados de lesão. O atacante Pablo deve ser titular, enquanto Carlos Alberto começará no banco. O principal desfalque é o zagueiro Thiago Heleno, que está suspenso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.