Marcos Brindicci/Reuters
Marcos Brindicci/Reuters

Brasileiro pega 3 jogos de gancho e desfalca Barcelona-EQU nas semis com o Grêmio

Expulso diante do Santos, nas quartas, o volante Gabriel Marques recebeu três jogos de suspensão da Conmebol

Estadão Conteúdo

16 Outubro 2017 | 18h28

O brasileiro Gabriel Marques desfalcará o Barcelona de Guayaquil nos dois confrontos de semifinal da Libertadores diante do Grêmio. Expulso diante do Santos, nas quartas, o volante recebeu três jogos de suspensão nesta segunda-feira após julgamento da Conmebol e só voltaria a defender a equipe equatoriana em uma possível segunda partida da final da competição.

Curiosamente, Gabriel foi expulso diante de outro clube brasileiro. No duelo de volta com o Santos, na Vila Belmiro, quando o Barcelona acabou se classificando com o triunfo por 1 a 0, o volante se desentendeu com Bruno Henrique após o atacante acertar uma cusparada em Damián Diaz.

Gabriel acertou um tapa no rosto de Bruno Henrique, o que fez com que fosse julgado por agressão e pegasse dois jogos de gancho além da suspensão automática pela expulsão. O volante, então, ficará de fora das duas partidas diante do clube que defendeu nas categoria de base, o Grêmio.

Mas este não será o único problema do técnico Guillermo Almada terá para escalar o Barcelona diante do time gaúcho. O atacante Jonathan Álvez, artilheiro da equipe, também foi expulso contra o Santos e está fora do jogo de ida. Ao menos ele, no entanto, foi absolvido no julgamento da Conmebol e por isso tem apenas um jogo de gancho para cumprir.

Depois de surpreender Palmeiras e Santos, o Barcelona abre as semifinais da Libertadores em casa, no dia 25 de outubro, e vai a Porto Alegre definir a classificação para a decisão no dia 1.º de novembro, na Arena do Grêmio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.