Shuji Kajiyama / AP Photo
Shuji Kajiyama / AP Photo

Brasileiro Rafael Silva marca e põe Urawa na final da Liga dos Campeões da Ásia

Time japonês enfrentará Al-Hilal, da Arábia Saudita, na decisão

Estadão Conteúdo

18 Outubro 2017 | 11h42

Graças a um gol marcado pelo atacante brasileiro Rafael Silva, o Urawa Red Diamonds venceu o Shanghai SIPG por 1 a 0, nesta quarta-feira, em Saitama, no Japão, e garantiu vaga na decisão da Liga dos Campeões da Ásia.

A equipe japonesa assegurou lugar na luta pelo título com este triunfo depois de ter conquistado um empate por 1 a 1 com o time chinês, no último dia 27 de setembro, fora de casa, no confronto de ida das semifinais.

O adversário do Urawa na decisão será o Al Hilal, da Arábia Saudita, que na última terça-feira avançou na competição ao empatar por 2 a 2 com o Persépolis, no Irã, na partida de volta da outra semifinal. No primeiro duelo deste mata-mata, no dia 26 de setembro, a equipe árabe goleou por 4 a 0.

Herói da classificação do Urawa, Rafael Silva foi formado na base do Corinthians e iniciou a sua carreira profissional no Coritiba, em 2012. Nesta quarta, ele marcou aos 11 minutos do primeiro tempo ao completar com uma cabeçada para as redes uma bola cruzada na grande área adversária.

Comandado pelo português André Villas-Boas, o Shanghai SIPG contou com os brasileiros Oscar, Hulk e Elkeson em campo, mas eles não conseguiram levar o time chinês à decisão da competição cujo campeão terá uma vaga no Mundial de Clubes da Fifa deste ano.

Os jogos da decisão da Liga dos Campeões da Ásia serão disputados nos dias 18 e 25 de novembro, quando o Urawa tentará conquistar pela segunda vez o título da competição depois de ter ficado com a taça em 2007. O clube, por sinal, se tornou o primeiro time do Japão a alcançar a decisão do torneio continental desde quando o Gamba Osaka faturou o troféu em 2008.

Mais conteúdo sobre:
futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.