Érico Leonan | saopaulofc.net
Érico Leonan | saopaulofc.net

Bruno diz que São Paulo trabalhou bola parada e espera sucesso na quinta

Time enfrenta o Defensa y Justicia, pela Copa Sul-Americana

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

10 Maio 2017 | 10h56

O São Paulo espera conseguir colocar em prática na partida de quinta-feira, contra o Defensa y Justicia, pela Copa Sul-Americana, os treinamentos realizados nos últimos 16 dias. Sem competições neste período, o técnico Rogério Ceni procurou melhorar o sistema defensivo, que foi um dos pontos fracos do time na temporada até o momento.

Para o lateral-direito Bruno, o time tem tudo para mostrar serviço. "Estamos bem tranquilos para demonstrar o futebol que o São Paulo já apresentou. Queremos evoluir cada dia mais. O fato de tomarmos muitos gols foi nítido, mas trabalhamos bastante para ter atenção na bola parada e ter opções para surpreender o adversário", explicou.

Bruno lembra que esse período só com treinamentos no CT da Barra Funda ajudou a deixar os atletas mais próximos, mesmo vindo de duas eliminações. "Esse tempo que a gente teve uniu mais o grupo, e corrigimos os erros. A gente tinha condições de estar na final do Paulista e classificar na Copa do Brasil, mas não deu. Agora é olhar para frente."

O jogador mostra otimismo de como o time vai se apresentar na quinta-feira e espera que a sequência da temporada seja vitoriosa. "Cada jogador se cobra ao máximo, ainda mais se tratando de São Paulo. Temos de demonstrar grandes coisas, vontade e qualidade para que a gente possa nos encontrar. Lógico que não queríamos ser desclassificados, mas tivemos tempo para acertar e corrigir", finalizou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.