Ivan Storti/ Santos FC
Ivan Storti/ Santos FC

Bruno Henrique é o mais 'abusado' atualmente no futebol brasileiro

Atacante do Santos lidera o ranking de dribles do Campeonato Brasileiro

Wilson Baldini Jr., O Estado de S.Paulo

12 Novembro 2017 | 07h00

No futebol “burocrático” e dos passes para o lado, as atuações de Bruno Henrique, do Santos, chamam a atenção de quem gosta de ver habilidade e ousadia nos gramados. Aos 26 anos, o atacante lidera o ranking de dribles do Brasileirão. Ele repete o que já fez no torneio de 2015, quando atuava pelo Goiás.

+ Exame aponta lesão e David Braz deve desfalcar o Santos na segunda-feira

Bruno Henrique está longe da ginga de dribladores do passado no Brasil, mas atualmente ele é o mais abusado em campo.

“Vi um jogo do Santos e logo quis saber quem era esse garoto alto, forte e de grande domínio de bola. Se ele não perder a iniciativa do drible, com certeza vai merecer uma chance na seleção brasileira em breve. As atuações dele se destacam”, disse o técnico Emerson Leão, que trabalha hoje como comentarista no canal Esporte Interativo.

“Toda vez que o Bruno Henrique vai para cima da marcação, ele passa. O time precisa se preparar para ter um jogador com essas características. Os companheiros precisam se apresentar para ajudá-lo”, ensina Edu, ponta do próprio Santos na época de Pelé. “Ele tem velocidade e variação de dribles. Foi uma das poucas atrações durante o jogo entre Santos e Atlético-MG.”

Além dos dribles, criatividade e presença no ataque, Bruno Henrique ainda faz gols. O jogador, que soma 16 gols na temporada, desembarcou na Vila em janeiro, vindo do Wolfsburg, da Alemanha, por 4,5 milhões de euros (R$ 17,2 milhões).

Antes de atuar pelo Goiás, Bruno Henrique, mineiro de Belo Horizonte, jogou pelo Cruzeiro, Uberlândia e Itumbiara. “Eu sempre achei que meu estilo de jogo se encaixaria no Santos. Aqui sempre teve atacantes habilidosos. Por isso, me sinto bem desde a primeira partida. Parece que estou no clube há muito tempo. Neste bom ambiente é possível ser notado.”

Além dos dribles e dos gols, o jogador santista também sabe servir os companheiros. É de Bruno Henrique a maior quantidade de assistências (passes que resultam em gols) do Campeonato Brasileiro. São 11 até a 33.ª rodada. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.