Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Carille diz ainda não pensar no Palmeiras e se concentra em como parar o Audax

Treinador afirma que nem assistiu a partida do adversário contra o São Bernardo

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

17 Fevereiro 2017 | 12h18

O próximo jogo do Corinthians é contra o Audax, no sábado, mas o clássico com o Palmeiras já é assunto no CT Joaquim Grava. Exceto, para o técnico Fábio Carille, que garante não estar preocupado com o confronto diante do rival e contou que sequer assistiu a partida do rival contra o São Bernardo, na quinta, pois estava mais preocupado em estudar o Audax.

"A partir das 19h de sábado, a gente começa a pensar no Palmeiras. Pela correria, não assisti ao jogo (contra o São Bernardo), pois fiquei mais focado nas coisas do Audax, mas o Osmar (Loss, auxiliar técnico) está puxando todas as informações sobre o Palmeiras e depois vamos ver", disse o treinador, que tem a receita para fazer com que os jogadores também não se preocupem com a partida de quarta-feira. "É só não trazer a preocupação e não falar do Palmeiras no dia a dia", resumiu.

Em decorrência da sequência de jogos e do clássico na semana que vem, Carille fará mudanças nas equipe, mas ao contrário do habitual, preferiu não confirmar todas as mudanças. "Não gosto de fazer isso, geralmente confirmo o time, mas não deu nem 36 horas do término do nosso jogo. Alguns jogadores estão reclamando de cansaço, então preciso ver quem terá condições", explicou.

Entretanto, ele já adiantou uma mudança. "A única certeza é a volta do Arana, que era o substituto imediato do Uendel (que foi para o Internacional) e só não estava jogando porque estava com a seleção brasileira sub-20", disse o treinador.

Sobre o Audax, Carille garante estar preparado para duas situações de jogo e decidirá qual delas colocará em prática, de acordo com a postura do adversário. "Estamos programando duas situações para marcar. Conheço o Fernando (Diniz, técnico) faz tempo. O Audax coloca a bola no chão e quer jogar. Isso é bonito e estamos estudando as duas situações", contou.

A formação treinada por Carille nesta sexta-feira e mais provável que inicia a partida contra o Audax neste sábado, às 17 horas, tem Cássio; Fagner, Pablo, Balbuena e Guilherme Arana; Gabriel, Camacho, Rodriguinho, Romero e Kazim; Léo Jabá.

Mais conteúdo sobre:
futebol Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.