1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Chiellini considera excessiva punição a Luis Suárez

O Estado de S. Paulo

27 Junho 2014 | 08h 40

Atacante uruguaio está suspenso do futebol por quatro meses

Vítima de uma mordida do atacante Luis Suárez, o zagueiro italiano Giorgio Chiellini se pronunciou a respeito do incidente. O jogador diz "não ter qualquer sentimento de raiva ou vingança" em relação ao atleta uruguaio e acha exagerada a punição de nove jogos e banimento do futebol por quatro meses imposta pela Fifa.

"Sempre considerei evidente a ação disciplinar por parte dos organismos competentes. Mas, no mesmo momento, sinto que a punição é excessiva. Espero sinceramente que permitam a ele ficar ao menos perto de sua equipe durante as partidas – porque, para um jogador, tal proibição é muito alienante", afirmou Chiellini em sua página oficial no Facebook.

O defensor italiano também se mostrou solidário ao atacante do Liverpool. "Neste momento, meu único pensamento é para Luis e para sua família, que enfrentam um período muito difícil", acrescentou.

Ettore Ferrari/EFE
Derrota para o Uruguai eliminou a Itália da Copa

A mordida ocorreu antes do gol do zagueiro Godín, que decretou a vitória por 1 a 0 e a classificação do Uruguai para as oitavas de final da Copa do Mundo, eliminando a Itália da competição.

Copa 2014