Assine o Estadão
assine

Esportes

Palmeiras

Cobrado pela filha, Arouca busca primeiro gol pelo Palmeiras

Volante não balança as redes desde o Brasileiro de 2014

0

Daniel Batista,
O Estado de S.Paulo

29 Janeiro 2016 | 07h03

Arouca se destaca pela qualidade na marcação e boa saída de bola do campo de defesa para o ataque, mas quer mais. O jogador do Palmeiras foi um dos poucos entre os principais atletas que não marcaram gols no ano passado e o feito faz com que ele seja cobrado até pela filha, Valentina.

“Estou com muita saudade (de fazer gol). A minha filha está me cobrando e tenho que fazer pelo menos um gol, porque meu filho está para nascer mês que vem e espero fazer antes disso”, disse o volante, que apesar da cobrança, assegura que não está preocupado com tal jejum.

“O pessoal brinca comigo em relação a isso, mas com respeito. O importante é que dentro de campo, eles sabem que dou o máximo pela equipe. Mas vale até gol no treino ou amistoso para acabar com isso”, brincou o palmeirense, que fez 42 jogos pelo time alviverde.

De fato, Arouca não é um jogador de marcar muitos gols. O último que ele fez foi no Brasileiro de 2014, quando ainda defendia o Santos, clube onde fez seis gols em 264 partidas.

Apesar das lesões sofridas no ano passado, Arouca conseguiu chamar a atenção e seu nome foi comentado como possível reforço no Tianjin Quanjian, clube chinês comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo. Entretanto, o jogador assegura que não chegou a receber proposta.

“Acho que foi boato. Para mim não chegou nada e fiquei sabendo pelas pessoas que vieram me perguntar. Meu empresário também falou que não houve nada. Então fiquei fora dessa”, comentou.

 

Mais conteúdo sobre:

Comentários