Divulgação/FPF
Divulgação/FPF

Com 16 times pela primeira vez, Federação Paulista define formato da Série A2

Edição será a primeira com 16 participantes, após o processo de reestruturação das divisões promovido pela entidade

Estadão Conteúdo

18 Outubro 2017 | 19h11

Em conselho arbitral realizado no início da tarde desta quarta-feira, na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), o presidente Reinaldo Carneiro Bastos e representantes dos clubes definiram o novo formato do Campeonato Paulista da Série A2 de 2018.

Esta edição será a primeira com 16 participantes, após o processo de reestruturação das divisões promovido pela entidade. Por conta da Copa do Mundo da Rússia, o campeonato tem início em 17 de janeiro e término previsto para 7 de abril.

No ano passado, seis clubes entre os 20 participantes foram rebaixados para a Série A3: Velo Clube, Barretos, Capivariano, Rio Preto, Mogi Mirim e União Barbarense. Além disso, Internacional de Limeira e Nacional subiram da divisão inferior, enquanto Audax e São Bernardo caíram da elite e serão os substitutos de São Caetano e Bragantino, dupla que conquistou o acesso na Série A2 de 2017 e vai disputar a Série A1.

+ Paulistão sorteia grupos e abre espaço para times usarem mais jogadores da base

Permanecem na divisão mais 12 clubes, muitos deles tradicionais: Água Santa, Batatais, Guarani, Juventus, Oeste, Penapolense, Portuguesa, Rio Claro, Sertãozinho, Taubaté, Votuporanguense e XV de Piracicaba.

Em 2018, com o número de times considerado ideal pela FPF, sobem dois times, assim como na edição passada, e caem dois. O formato de disputa vai ser parecido com o deste ano. Todos os times vão se enfrentar, em 15 rodadas de pontos corridos e sem returno, e os quatro melhores colocados avançam às semifinais, enquanto os dois piores são rebaixados.

O acesso vai ser definido na disputa das semifinais, com jogos de ida e volta, sem vantagem para quem fez a melhor campanha e com decisão nos pênaltis em caso de igualdade. Depois, sob os mesmos critérios, será realizada a disputa do título entre os dois times que conquistarem o acesso à Série A1.

Assim como no Paulistão, a FPF liberou a utilização ilimitada de jogadores da base, com inscrições de atletas nascidos a partir de 1997 e que tenham atuado em algum campeonato das categorias de base pelo clube em 2017.

Mais conteúdo sobre:
futebol futebol Campeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.