Assine o Estadão
assine

Esportes

Ricardo Oliveira

Com gol de pênalti aos 51 min, Santos vence Ituano na Vila Belmiro

Ricardo Oliveira marcou no último lance do jogo na Vila

0

Raphael Ramos,
Estadão Conteúdo

06 Fevereiro 2016 | 13h22

Um pênalti convertido por Ricardo Oliveira aos 51 minutos do segundo tempo garantiu a vitória do Santos por 2 a 1 sobre o Ituano neste sábado, na Vila Belmiro, pela 3ª rodada do Campeonato Paulista. O time não fez uma boa partida, mas acabou salvo pelo gol do atacante nos acréscimos.

O jogo, que marcou a 100ª partida em que o Santos foi comandada pelo técnico Dorival Júnior, foi tecnicamente fraco. Os jogadores reclamaram do calor e o árbitro teve de paralisar a partida duas vezes (no primeiro tempo e na etapa final) para que os atletas pudessem beber água. A partida estava marcada para quarta-feira às 19h30, mas foi antecipada para este sábado, às 11h, a pedido da diretoria do Santos.

Com o resultado, o Santos alcançou os sete pontos, mantendo a liderança do Grupo A. O Ituano, por sua vez, estacionou nos dois pontos, ainda sem vencer na competição. Ocupa a quarta e penúltima posição do Grupo B.

O JOGO - No primeiro tempo, o principal erro do Santos foi a falta de movimentação dos ataques. O time não trocava passes e insistia nos lançamentos, facilmente interceptados pelo Ituano.

As melhores chances do Santos eram nas jogadas de bola parada. E foi justamente após uma cobrança de escanteio que o time fez o primeiro gol. Aos 47, Lucas Lima fez o levantamento pela esquerda e Gustavo Henrique marcou de cabeça.

No segundo tempo, o jogo ficou melhor. O Ituano passou a se arriscar mais no ataque e, assim, deu espaço para o Santos. Lucas Lima deixou de ficar cruzando a bola para a área e passou a trocar passes no chão.

O time, no entanto, não aproveitou as chances que teve de fazer o segundo gol e acabou levando o empate. Aos 37, Naylhor apareceu sozinho no meio da área e marcou de cabeça.

Quando o jogo já se encaminhava para o fim, Raul Prata fez pênalti em Ronaldo Mendes. Ricardo Oliveira não vacilou e garantiu a vitória.

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 2 x 1 ITUANO

SANTOS - Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Zeca; Renato (Vitor Bueno), Thiago Maia e Lucas Lima; Paulinho (Ronaldo Mendes), Gabriel (Elano) e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.

ITUANO - Diego; Raul Prata, Naylhor Luiz Felipe e Peri; Jonatan Lima, Wellington Simião, Marcelinho (Fernando Viana) e Claudinho; Edinho (Marcão) e Ruan (Igor). Técnico: Tarcísio Pugliese.

GOLS - Gustavo Henrique, aos 48 minutos do primeiro tempo. Naylhor, aos 37, e Ricardo Oliveira (pênalti), aos 51 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Luiz Felipe, Peri, Claudinho, Lucas Lima.

CARTÃO VERMELHO - Raul Prata.

ÁRBITRO - Douglas Marques das Flores.

RENDA - R$ 215.590,00.

PÚBLICO - 5.501 pagantes.

LOCAL - Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).

Comentários