Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Com indefinição de Ricardo Oliveira, atacante do Paraná é sondado pelo Santos

O contrato de Ricardo Oliveira acaba no próximo dia 31 e o Santos ainda não sabe se poderá contra com o seu artilheiro para a temporada de 2018. Assim, alguns nomes que se destacaram em 2017 aparecem como opções para o clube santista, que passará por eleições presidenciais neste sábado. Um dos cotados é o atacante Alemão, que brilhou na campanha do acesso do Paraná na Série B do Campeonato Brasileiro.

Estadão Conteúdo

07 Dezembro 2017 | 22h06

+ Braz agradece apoio após cusparada e critica torcedor que 'passou dos limites'

Na última terça-feira, o jogador participou de um jogo beneficente do ex-zagueiro Narciso no estádio da Vila Belmiro, em Santos. Para Alemão, o seu retorno ao Santos, onde foi revelado nas categorias de base em 2008, é um sonho.

"Seria um enorme prazer poder voltar para cá. Seria a realização de um sonho. Mas eu deixo na mão do meu empresário. Espero que dê certo. Voltar ao Santos seria corrigir um pouquinho (do começo da carreira) e poder retribuir o que fez por mim. Me identifico muito com o Santos e com a cidade. Poder retribuir seria uma satisfação enorme para mim, mas estou feliz, ficando no Paraná ou podendo realizar esse sonho de voltar ao Santos, vou continuar feliz", afirmou Alemão logo após participar do jogo beneficente.

Ricardo Oliveira negocia a renovação de contrato com o Santos. Kayke, seu substituto em 2017, já foi dispensado. Como pertence ao Yokohama Marinos, do Japão, e o time santista não fez questão de exercer seu direito de compra de cerca de US$ 2 milhões (cerca de R$ 6,5 milhões), o atacante está de saída.

"Gostaria de agradecer a cada comissão técnica com a qual tive a oportunidade de trabalhar: Dorival Juniorr, Levir (Culpi) e Elano, o meu muito obrigado a todos vocês. Obrigado ao Santos pela confiança e oportunidade, aos meus companheiros e amigos um breve até logo porque com certeza nos encontraremos nesse mundo da bola. Sorte a todos nessa nossa caminhada. Aos torcedores, meu muito obrigado pelo apoio e também pelas críticas que nos fazem crescer! Pra próxima temporada espero o melhor para todos nós, que o futuro a Deus pertence e a ele já entreguei o meu", publicou o atacante em uma rede social.

Mais conteúdo sobre:
futebol Santos Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.