Ricardo Duarte/Internacional
Ricardo Duarte/Internacional

Com recorde de público na Arena da Baixada, Paraná bate Inter e sobe para 2º

Maidana, aos 41 minutos do primeiro tempo, fez o único gol da partida

Estadão Conteúdo

03 Outubro 2017 | 22h50

O Paraná assumiu a vice-liderança provisória da Série B do Campeonato Brasileiro na noite desta terça-feira ao derrotar o líder Internacional por 1 a 0, em partida que bateu recorde de público na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 28ª rodada. O único gol do duelo foi marcado por Maidana.

+ Magno Alves volta a marcar, Ceará bate Vila Nova e retorna ao G-4

Com a vitória, o Paraná subiu para a segunda colocação da Série B, agora com 49 pontos e torce agora contra o América-MG, que tem 48, para terminar a rodada na vice-liderança. O Inter segue isolado em primeiro lugar, com 54 pontos.

O estádio, que pertence ao Atlético Paranaense, contou com a presença de 39.414 torcedores nas arquibancadas. Recorde, o público supera em número até as partidas da Copa do Mundo de 2014 que foram disputadas no estádio atleticano.

A torcida do Paraná recebeu o time com uma bonita festa na Arena da Baixada, com direito a mosaico: "Rumo à Série A". Dentro de campo, o clube paranaense fez um primeiro tempo muito pegado diante do líder. Teve um início melhor e chegou a desperdiçar boas oportunidades de abrir o placar, como no chute de Robson, que parou na defesa de Danilo Fernandes.

O Inter foi equilibrando as ações aos poucos, mas encontrou o goleiro Richard em uma noite inspirada. Sasha recebeu de costas para a defesa adversária, girou o corpo e arriscou de longe. O goleiro saltou para fazer um milagre. Charles, que entrou no lugar de Rodrigo Dourado com uma lesão na virilha -, foi mais um a chegar com perigo. Após bola alçada na área, a bola sobrou para o volante, que cabeceou para fora.

A resposta do Paraná veio aos 41 minutos. Renatinho cobrou escanteio em curva, Iago Maidana se livrou da marcação e apareceu livre para testar para o fundo das redes. O gol levantou a torcida, que não parou de incentivar o time até o apito do árbitro, liquidando qualquer reação do Inter ainda no primeiro tempo.

No segundo tempo, o time gaúcho voltou melhor e saiu em busca do empate. Logo aos sete minutos, D'Alessandro encontrou Leandro Damião na área. O atacante desviou e a bola bateu caprichosamente na trave. O ex-jogador da seleção brasileira tentou, na sequência, de bicicleta, mas nas mãos de Richard.

Percebendo o melhor momento do Inter, o Paraná recuou e começou a jogar no contra-ataque. A partir daí o time gaúcho começou a ter dificuldade em ameaçar e viu a última oportunidade terminar em mais uma defesa de Richard. Após cobrança de escanteio, D'Alessandro ficou com a bola, mas demorou para concluir, dando tempo para o goleiro sair e assegurar a vitória paranaense.

Na próxima rodada, o Inter enfrenta o Brasil de Pelotas na segunda-feira, às 20h, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. O Paraná só joga no dia 13 de outubro (sexta-feira), às 20h30, diante do Criciúma, no estádio Durival Britto, em Curitiba (PR).

FICHA TÉCNICA:

PARANÁ 1 x 0 INTERNACIONAL

PARANÁ - Richard; Cristovam, Eduardo Brock, Iago Maidana e Igor; Gabriel Dias, Vinícius Kiss, Renatinho (Luiz Otávio) e João Pedro (Jhony); Robson e Alemão (Vitor Feijão). Técnico: Matheus Costa.

INTERNACIONAL - Danilo Fernandes; Cláudio Winck (Juan), Danilo Silva, Léo Ortiz e Uendel; Rodrigo Dourado (Charles), Edenílson, Nico López e D'Alessandro; Eduardo Sasha (Camilo) e Leandro Damião. Técnico: Guto Ferreira.

GOL - Maidana, aos 41 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Leandro Bizzio Marinho (SP).

CARTÕES AMARELOS - Igor, Jhony, Renatinho, Richard, Robson e Gabriel Dias (Paraná); Cláudio Winck e D'Alessandro (Internacional).

RENDA - R$ 1.224.650,00.

PÚBLICO - 39.414 pagantes.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.