Assine o Estadão
assine

Esportes

Campeonato Carioca

Confusão em São Januário rende denúncia a um torcedor do Fla

O tumulto envolvendo torcedores do Flamengo no clássico vencido pelo Vasco por 1 a 0, no domingo, rendeu a autuação de 15 pessoas, mas apenas uma delas - cujo nome não foi revelado - será denunciada à Justiça por já ter passagem pela polícia. Os demais foram beneficiados por transação penal com o Ministério Público e terão pena mais branda, como prestação de serviços.

0

Estadão Conteúdo

15 Fevereiro 2016 | 12h38

Todos eles foram detidos por volta das 15h30 no Estádio São Januário, acusados de depredação a um dos banheiros. Eles foram encaminhados ao Plantão do Juizado do Torcedor e dos Grandes Eventos e autuados pelo juiz Mário Olinto por violação ao artigo 41 B do Estatuto do Torcedor (promover tumulto, praticar ou incitar a violência, ou invadir local restrito aos competidores em eventos esportivos).

Os Juizados Especiais têm competência para conciliação, julgamento e execução de infrações de menor potencial ofensivo - aquelas cujas penas não ultrapassem dois anos de detenção. Nesses casos, a transação penal é comum. Ela inclui desde serviços prestados à comunidade até o pagamento de multa.

No domingo, a assessoria de comunicação da PM informou que seriam 17 presos, mas o Tribunal de Justiça do Rio informou a autuação de 15. Além da autuação na Justiça, os flamenguistas deverão ser processados pelo Vasco por depredação de patrimônio.

Comentários