1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Governo se preocupa com manutenção dos estádios da Copa

REUTERS

27 Junho 2014 | 13h 51

Renda de público no futebol brasileiro não é muito elevada, diz Aldo

O governo federal está preocupado que o alto custo de manutenção dos estádios da Copa do Mundo provoque um aumento no preço dos ingressos após o Mundial e pretende tomar medidas para garantir a presença do público de baixa renda nos campeonatos locais, disse nesta sexta-feira o ministro do Esporte, Aldo Rebelo.

"A preocupação do governo brasileiro é muito mais com o pós Copa do Mundo. Porque nós construímos arenas muito bonitas, mas que com certeza terão preço de manutenção muito maior do que os outros estádios, e a renda proveniente de público no futebol brasileiro não é muito elevada", disse Aldo em entrevista coletiva realizada no Maracanã.

"Para reduzir o preço dos ingressos vamos ter que tomar providências para atrair as pessoas de baixa renda aos estádios", acrescentou.

Jesus Diges/EFE
Arena da Amazônia, em Manaus, é um dos estádios que pode sofrer com o alto custo de manutenção

O preço dos ingressos para a Copa do Mundo tem sido um dos principais pontos levantados por críticos do torneio, com o argumento de que a maior parte da população brasileira não teria condições de assistir a uma partida do torneio.

Os ingressos da Copa do Mundo podem variam entre 30 reais, no caso de tíquetes com descontos especiais somente para brasileiros, a 1.980 reais, de acordo com o site da Fifa.

Aldo disse discordar desse ponto de vista, argumentando que os preços praticados durante o Mundial não diferem muito dos cobrados em competições locais. "O acesso aos estádios (durante o Mundial) não muda em relação aos torneios ordinários que são realizado em todos os países", disse.

"Os preços dos ingressos cobrados aqui para o acesso aos estádios do Mundial são parecidos aos preços cobrados nas principais competições no país, quando os ingressos também são muito caros", acrescentou o ministro, citando o exemplo de competições como a Copa Libertadores.

 

Copa 2014

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo