1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Jogadores holandeses visitam favela na zona sul do Rio de Janeiro

Ronald Lincoln Jr. e Sérgio Torres - O Estado de S. Paulo

01 Julho 2014 | 16h 26

Durante visita no morro Dona Marta, nove jogadores da seleção da Holanda brincaram com as crianças e distribuiram autógrafos

Nove dos 23 jogadores da Holanda aproveitaram a folga inesperada e visitaram a favela do morro Dona Marta, em Botafogo, zona sul carioca. O grupo passou cerca de uma hora na comunidade, percorreu becos e vielas, bateu bola com crianças e distribuiu autógrafos.

A delegação notou que, apesar da aparente tranquilidade oferecida pela existência de uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), a população do Dona Marta ainda enfrenta graves problemas, principalmente de saneamento. Havia muito lixo exposto e o esgoto corria a céu aberto, em valas negras.

Jogadores da Holanda visitam Morro Dona Marta
Fábio Motta/Estadão

Após conquistar a vaga para as quartas de final, a seleção holandesa ganhou um dia de folga nesta terça-feira.

"Na Holanda também há gente pobre, mas não tanto. É triste isso. O interessante é que os moradores conseguem sobreviver à essa realidade", observou Daley Blind, um dos quatro titulares que foram ao Dona Marta. Os outros são os zagueiros Stefan de Vrij e Ron Vlaar e o volante Georginio Wijnaldum.

Também estiveram na favela os reservas Terence Kongolo, Jeremain Lens, Jordy Clasie, Michael Worm e Jonathan de Guzman.

Copa 2014