1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Neymar elogia 10 rival, mas mira 'fim do ciclo' de James Rodríguez

LEANDRO SILVEIRA - Agência Estado

02 Julho 2014 | 14h 25

Craque quer que mundial do colombiano termine contra o Brasil

O jogo da próxima sexta-feira entre as seleções do Brasil e da Colômbia, no Castelão, definirá um dos semifinalistas da Copa do Mundo, mas também colocará frente a frente dois dos destaques da competição. Afinal, o meia James Rodríguez, artilheiro do torneio com cinco gols, e o atacante Neymar, que já marcou quatro vezes, vão duelar. O brasileiro fez elogios ao colombiano, mas espera que o Mundial do adversário acabe daqui a dois dias.

"A Colômbia é uma grande equipe, venceu todas as partidas e tem um poderio muito forte. O James é um craque, apesar da pouca idade. Nós dois temos 22 anos. Vem demonstrando que é grande jogador, está de parabéns pela Copa que está fazendo. Espero que o ciclo dele acabe agora e a gente se classifique", disse, em entrevista coletiva nesta quarta-feira, na Granja Comary, em Teresópolis.

Além de serem destaques da Copa, Neymar e James Rodríguez têm outras semelhanças. Afinal, ambos têm 22 anos, como foi lembrado pelo brasileiro, e utilizam a camisa de número 10 das suas seleções. Para Neymar, a juventude não atrapalha o seu desempenho em campo e nem o do adversário, pois não necessariamente a experiência está relacionada à idade. 

"Já sabia que o James era um grande jogador e vem mostrando seu talento na Copa do Mundo. O que tenho de fazer é jogar meu futebol. Futebol não tem idade. Experiência ajuda. Eu tenho 22 anos, passei por muitas coisas e aprendi muito. Isso ajuda. Acho que tem de chegar e jogar bola, colocar o futebol em prática", afirmou.

Neymar, porém, evitou encarar o confronto com a Colômbia como um duelo pessoal com James Rodríguez, destacando que o mais importante é a seleção brasileira vencer e avançar às semifinais da Copa. "Não sei quem vai melhor, mas espero que a seleção brilhe. Falei antes que não quero ser artilheiro, disse que buscava o título da Copa. Quero jogar mal e ver o Brasil ganhando por 1 a 0", comentou.

Para Neymar, a Colômbia possui um estilo de jogo parecido com o do Chile, eliminado pela seleção nas quartas de final da Copa. "São duas seleções muito parecidas, pela qualidade com a bola, de sair jogando, com jogadores rápidos no ataque. Será outra guerra, outro jogo que vamos entrar ligados para ir melhor e vencer", concluiu.

Daniel Garcia e Vanderlei Almeida/AFP
James Rodríguez tem cinco gols na competição contra quatro do brasileiro Neymar

Copa 2014

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo