1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Neymar garante que está recuperado e nega problemas emocionais

Almir Leite - O Estado de S. Paulo

02 Julho 2014 | 13h 45

Em entrevista concedida nesta quarta, craque da seleção afirma que equipe está bem e justifica choro 'o jogo teve muita emoção'

O atacante Neymar garantiu no início da tarde desta quarta-feira que está totalmente recuperado das pancadas que recebeu no jogo com o Chile e pronto para dar o máximo na sexta-feira, no jogo da seleção brasileira com a Colômbia, pelas quartas de final da Copa do Mundo. O craque também garantiu que os jogadores estão equilibrados emocionalmente e que isso não será problema na partida a ser disputada no estádio do Castelão, em Fortaleza.

"Eu estou bem, recuperado. Não sinto dor'', disse Neymar, que saiu do campo após o jogo com os chilenos mancando, consequência das pancadas recebidas no joelho direito e na coxa esquerda. Ele passou os últimos dias fazendo tratamento intensivo, inclusive foi atendido por ser fisioterapeuta particular durante a folga de domingo, e treinou normalmente na manhã desta quarta-feira.

Em relação ao aspecto emocional, Neymar garante que não somente ele como todos seus companheiros estão bem. "Acho que ninguém está com problema, está todo mundo bem. O jogo com o Chile teve muita emoção, cada jogador tem sua forma de sentir, se emocionar. Mas estamos todos bem, preparados para enfrentar a Colômbia e passar de fase'', assegurou,.

Neymar também defendeu a presença na psicóloga Regina Brandão na Granja Comary. A profissional foi chamada de novo a Teresópolis para "trabalhar a cabeça'' dos jogadores, visando tentar dar a eles o equilíbrio necessário para a disputa desta reta final da Copa. "Eu nunca tinha feito nada nesse sentido e até estou gostando bastante. Não só no esporte, no futebol nós temos de recorrer à psicologia", disse Neymar, que em seguida aconselhou os jornalistas presentes na entrevista coletiva realizada na Granja Comary. "Vocês devem procurar fazer (terapia), porque faz bem para a vida". O craque deixou aberta a possibilidade de dar sequência à terapia fora da seleção brasileira. "Estou aprendendo muita coisa e espero continuar fazendo."

Tasso Marcelo/AFP
Em coletiva, Neymar garante que não sente mais dores na coxa e que encara a Colômbia

Copa 2014