1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Rooney diz que seleção atual da Inglaterra é a melhor em que já jogou

SIMON EVANS - REUTERS

11 Junho 2014 | 18h 51

Atacante se mostra ansioso pela estreia na Copa do Mundo

O atacante Wayne Rooney disse nesta quarta-feira que a atual seleção da Inglaterra é a melhor em que já atuou em seus 11 anos defendendo a equipe e acrescentou que a Itália deve se preocupar com o confronto contra os ingleses em Manaus.

"É provavelmente a melhor equipe com a qual já estive envolvido, e é fantástico fazer parte dela. Estou ansioso por este torneio e pelo futuro com a Inglaterra, porque ele certamente parece ser brilhante", disse Rooney a jornalistas nesta quarta-feira.

"É empolgante. Acho que os jogadores mais jovens na equipe trazem muito mais energia e empolgação e é fantástico fazer parte disso."

Ben Stansall/AFP
Treino da Inglaterra desta quarta-feira foi bastante animado

A Inglaterra perdeu para a Itália nos pênaltis nas quartas finais da Eurocopa há dois anos e os italianos são favoritos para se classificarem em um difícil Grupo D, que tem ainda Uruguai e Costa Rica.

Mas Rooney acredita que com o surgimento de jovens jogadores, como Raheem Sterling, Ross Barkley, Alex Oxlade-Chamberlain e Adam Lallana, os italianos terão pela frente uma melhorada e bastante diferente seleção inglesa.

"Acho que eles realmente deviam estar mais preocupados com nossa equipe", disse.

"Em termos de Itália, é mais ou menos a mesma equipe, então será um jogo interessante para nós para vermos como progredimos nesses dois anos."

"Acho realmente que os jogadores italianos devem olhar para nós e pensar como poderão controlar nossa equipe", disse, minimizando as preocupações com o meia italiano Andrea Pirlo, que controlou a partida no confronto de dois anos atrás.

"Realmente não estamos muito concentrados em Pirlo. Ele tem sido um jogador fantástico, e a Itália tem alguns jogadores fantásticos, mas nós também", argumentou.

Rooney tem sido um surpreendente alvo de críticas na seleção inglesa por conta de sua forma física e por questionamentos se merece uma vaga entre os titulares do time.

"Não me importo com o que qualquer um diga. Estou pronto fisicamente, estou concentrado e é claro que há competição para as vagas, sempre há", disse.

"Você está jogando pelo seu país e estou pronto para isso. Não estou preocupado. O técnico tem um trabalho a fazer. Ele escala a equipe e qualquer que seja o time que ele escale, eu respeitarei e farei o meu melhor para tentar ajudar o time."

Rooney marcou 39 gols em 91 partidas pela Inglaterra, mas ainda não anotou nenhuma vez em oito partidas de Copa do Mundo.

Copa 2014

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo