1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Seleção da Alemanha só fará treinos leves até a final da Copa do Mundo

Mateus Silva Alves - enviado especial a Santa Cruz Cabrália - O Estado de S. Paulo

10 Julho 2014 | 14h 22

Auxiliar técnico, Hansi Flick, frisou importância da recuperação física da equipe, de acordo com a necessidade de cada atleta alemão

Após um dia de folga, a seleção da Alemanha começará na tarde desta quinta-feira a preparação para a final da Copa do Mundo, no domingo, contra a Argentina, no Maracanã. O trabalho, como sempre, não poderá ser assistido pelos jornalistas que fazem a cobertura da equipe, mas já se sabe que ele será muito leve. Até o dia da decisão, a ordem é clara: evitar qualquer tipo de desgaste desnecessário.

"Recuperação é o nome do jogo. Recuperação com R maiúsculo", disse Hansi Flick, auxiliar técnico da seleção alemã. "Cada jogador vai fazer um trabalho de acordo com a sua situação. Alguns vão treinar com bola, outros vão fazer apenas atividades físicas na bicicleta ergométrica."

Patrik Stollarz/AFP
Flick, auxiliar técnico da Alemanha, ressaltou a importância da recuperação física

Schweinsteiger e Khedira são dois dos jogadores que mais cuidados recebem da comissão técnica alemã. Como os dois volantes chegaram à Copa em má forma física - culpa das lesões que sofreram na última temporada de clubes -, eles frequentemente são poupados dos treinos mais pesados. A estratégia tem dado certo, pois os dois entraram em forma durante o Mundial e têm jogado muito bem.

Os alemães sabem que são apontados como grandes favoritos à vitória na decisão por causa dos 7 a 1 sobre o Brasil na semifinal, mas não dão nenhuma importância a isso. "É natural que nos apontem como favoritos, mas vamos nos manter relaxados e, ao mesmo tempo, muito concentrados no trabalho que temos de fazer", falou Flick. "A cultura alemã não deixa que nós fiquemos muito impressionados com o que se diz do lado de fora."

Copa 2014