Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Corinthians luta para evitar jejum vivido no tempo de Mano Menezes

Última vez que o time alvinegro perdeu três vezes seguidas foi em fevereiro de 2014

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

12 Setembro 2017 | 07h02

O Corinthians vem de duas derrotas seguidas e vive uma situação curiosa. Líder com sete pontos de vantagem no Brasileiro e vivo na Sul-Americana, o time de Fábio Carille enfrenta o Racing, nesta quarta-feira, na Arena Corinthians, em busca da vitória para não completar três derrotas seguidas, algo que aconteceu pela última vez no começo de 2014.

A última vez que o time alvinegro atingiu uma sequência tão ruim foi entre os dias 25 de janeiro e 5 de fevereiro, quando ficou quatro partidas consecutivas sendo derrotado. A sequência ruim teve início contra o São Bernardo (1 a 0), Santos (5 a 1), Ponte Preta (2 a 1) e Bragantino (2 a 0).

Na época, o time comandado por Mano Menezes chegou a ficar seis jogos sem vencer. Além das quatro derrotas, ainda empatou com Mogi Mirim e Palmeiras, ambos por 1 a 1. Desde então, o Corinthians não perdeu mais do que dois jogos consecutivos.

A escalação do Corinthians na partida contra o Bragantino, a última derrota da série foi tinha Walter e Fagner dentre os atletas que ainda fazem parte do elenco. O time era Walter; Fagner, Felipe, Cléber e Uendel; Ralf, Guilherme, Ramírez e Zé Paulo; Romarinho e Guerrero. Durante o jogo, ainda entraram Jocinei, Emerson Sheik e Danilo.

O time de Fábio Carille vem de derrota para o Atlético-GO e para o Santos. Mesmo com os tropeços, o time continua com folga na liderança do Campeonato Brasileiro, com 50 pontos, sete a mais que o Grêmio. Nesta quarta-feira, o confronto será pela Copa Sul-Americana.

 

Mais conteúdo sobre:
Corinthians futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.