1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Corinthians não aceita vender Guerrero ao futebol inglês

Vítor Marques - O Estado de S.Paulo

23 Agosto 2014 | 05h 00

Único centroavante de ofício no time de Mano Menezes, peruano não sai até o fim do Brasileirão, garante presidente Mário Gobbi

Titular absoluto e único centroavante do Corinthians, Paolo Guerrero não será vendido até o final do Brasileirão, apesar das ofertas que o jogador recebeu de clubes da Inglaterra. Essa é a vontade do presidente Mário Gobbi. Para ele, o time teria um prejuízo técnico muito grande, embora o clube pudesse lucrar um bom dinheiro com um atleta de 30 anos.

O West Ham e o Sunderland, segundo a imprensa inglesa, demonstraram interesse na contratação de Guerrero. O jornal Daily Mail publicou que o West Ham fez uma proposta de empréstimo, com possibilidade de compra.

José Patrício/Estadão
Guerrero entra na mira de clube inglês

Até agora, o Corinthians não recebeu nenhuma proposta oficial – o período de transferências da Europa se encerra no final deste mês. O clube admite uma consulta, mas o negócio não foi adiante. Nem mesmo se o Corinthians acertasse a contratação do atacante Nilmar, Gobbi admitiria perder Guerrero, uma peça-chave no time de Mano Menezes. 

A diretoria fala em reforçar a equipe para manter viva a chance de classificação à Libertadores. Fora da competição internacional, o prejuízo seria maior. O contrato de Guerrero termina em julho de 2015. Após o Campeonato Brasileiro, em janeiro, ele poderia assinar um pré-contrato com qualquer equipe. A situação não deve chegar a esse ponto.

Após a vitória contra o Goiás, quinta-feira, Guerrero disse que não seria um problema voltar ao futebol europeu e confirmou as sondagens dos clubes ingleses. "Ouvi falar do interesse desses clubes (West Ham e Sunderland). Acho que procuraram o Corinthians, não posso falar mais. Eu ainda tenho contrato, mas até agora não falamos em renovação, não sei o que vai acontecer.”

Há cerca de um mês, o diretor de futebol do Corinthians, Ronaldo Ximenes, havia garantido que procuraria Guerrero para falar sobre uma possível renovação de contrato. 

Guerrero chegou ao Corinthians logo após conquista da Libertadores, em 2012, e virou ídolo da torcida por ter feito o gol da final do título Mundial contra o Chelsea, em Yokohama, no Japão.

Além de tentar contratar Nilmar, a diretoria procura um zagueiro. O motivo foi a saída de Cleber. A dupla titular é formada por Gil e agora Anderson Martins. Mas o fato de Gil ter sido convocado pela seleção se tornou um preocupação para a comissão técnica. Gil poderia desfalcar o time em rodadas importantes na reta final do Campeonato Brasileiro.

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo