1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Corinthians recebe garantias financeiras e já coloca Emerson no Botafogo

Fábio Hecico - O Estado de S. Paulo

11 Abril 2014 | 17h 33

Faltam apenas os trâmites burocráticos para o atacante assinar contrato com time do Rio

SÃO PAULO - O Corinthians já dá como certa a ida do atacante Emerson, por empréstimo, para o Botafogo. O time carioca enviou na tarde desta sexta-feira para os dirigentes paulistas as garantias bancárias que deixaram a transferência pendente desde semana passada. Assim, faltam agora apenas os trâmites burocráticos para a assinatura de contrato que fará de Emerson reforço do clube de General Severiano para o Brasileirão.

Pelo acordo, o Corinthians é que vai depositar, todo mês, o salário de cerca de R$ 520 mil para Emerson. O Botafogo vai ressarcir o clube de São Paulo com R$ 260 mil por mês, pagando, assim, metade dos vencimentos do atacante. As garantias bancárias enviadas nesta sexta garantem que o Corinthians não ficará no prejuízo em caso de não pagamento ou atraso da equipe do Rio. Recentemente, o elenco do Botafogo protestou salários atrasados no clube.

Emerson será emprestado ao Botafogo até o fim do ano. A ideia da diretoria é usar os R$ 260 mil que economizará com o atacante para pagar parte dos salários de Elias, que passará a receber R$ 500 mil quando estrear, depois da Copa do Mundo. Fora dos planos de Mano Menezes, Emerson já foi até dispensado dos treinos e está no Rio. Na última rodada do Campeonato Paulista, ele não ficou sequer no banco de reservas, perdendo a vaga para o jovem Malcom, de 17 anos.

A situação do atacante, que já era delicada, piorou depois que ele faltou a um treinamento alegando problemas pessoais. Apesar de ter avisado com antecedência - por isso não foi multado -, a ausência não foi bem digerida por Mano. A partir do dia seguinte, quando se reapresentou no CT, o atacante não participou mais das atividades com os companheiros no gramado e passou a treinar em separado, na academia. Emerson, de 35 anos, tem contrato com o Corinthians até o meio de 2015.