1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Corinthians vira sobre o Cruzeiro e se garante na decisão da Copinha

- Atualizado: 22 Janeiro 2016 | 22h 03

Claudinho e Pedrinho entram no segundo tempo e marcam no 2 a 1

Com mais de 27 mil torcedores presente no estádio Itaquerão, em São Paulo, nesta sexta-feira, o Corinthians bateu de virada o Cruzeiro por 2 a 1 e garantiu presença na final da 47ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Rick Sena abriu o placar para os mineiros, mas Claudinho e Pedrinho saíram do banco de reservas para virar o jogo para o time da casa.

Melhor campanha da competição, o Corinthians chega à final com 100% de aproveitamento. Em 8 jogos, foram 28 gols marcados e apenas cinco sofridos - com vitórias sobre Botafogo-PB, Bragantino, Internacional-SP, Paysandu, Guarani-SP, Internacional-RS, Ituano-SP e Cruzeiro.

Pedrinho marca o gol da virada do Corinthians sobre o Cruzeiro em seu primeiro jogo no estádio em Itaquera.

Pedrinho marca o gol da virada do Corinthians sobre o Cruzeiro em seu primeiro jogo no estádio em Itaquera.

Bem postado na defesa, o Cruzeiro impediu que o Corinthians impusesse o seu jogo de toque de bola no campo de ataque e a marcação surtiu efeito. Aos 29 minutos, em rápida jogada de contragolpe, o zagueiro corintiano Léo Santos falhou e a bola sobrou para o centroavante Rick Sena, que completou para o gol abrindo o placar.

Precisando atacar, o Corinthians se lançou para frente na segunda etapa e chegou ao empate aos 19 minutos. O goleiro Lucão saiu do gol para cortar um cruzamento e a bola sobrou para Claudinho, que tocou com classe por cobertura. Mesmo com o empate, a pressão corintiana não parou e, aos 35, veio a virada. Em uma bela jogada, que passou de pé em pé, com direito a toque de letra de Matheus Pereira e cruzamento de Claudinho, Pedrinho completou para delírio da torcida, garantindo a vitória e a vaga na final.

O outro finalista sai da partida entre Flamengo e América-MG, também nesta sexta-feira, na Arena Barueri, em Barueri (SP). A final será disputada no estádio do Pacaembu na próxima segunda-feira, dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX