1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Coritiba faz 3 a 0 no Flamengo e se aproxima das quartas de final

RONALD LINCOLN JR. - Estadão Conteúdo

28 Agosto 2014 | 00h 26

Além de sofrer um revés no Couto Perereira, equipe carioca ainda perdeu o atacante Eduardo da Silva após pancada nas costas

As mudanças que o técnico Vanderlei Luxemburgo fez no Flamengo para a disputa da Copa do Brasil não deram certo, o time sofreu no estádio Couto Pereira e foi derrotado por 3 a 0 pelo Coritiba, nesta quarta-feira. A equipe carioca vai ter uma tarefa complicada para reverter o resultado na partida de volta, na próxima semana, no Maracanã, enquanto os paranaenses encaminharam a vaga às quartas de final.

Para piorar, o Flamengo ainda ganhou outra preocupação. O atacante Eduardo da Silva sofreu uma forte pancada nas costas e corre o risco de desfalcar o time nos próximos compromissos.

Desde o início, o time rubro-negro teve dificuldade para se adaptar ao novo esquema (3-5-2) montado por Luxemburgo, além da ausência de seis titulares poupados para o Brasileiro. Os jogadores de frente, como Nixon e Eduardo da Silva, por vezes recuavam demais para ajudar na marcação e deixavam o setor ofensivo desguarnecido. O responsável pela armação das jogadas, Mugni, errava muitos passes, o que também comprometia a criação do Flamengo.

Hedeson Alves/Vipcomm
Além do resultado de 3 a 0 no Couto Pereira, equipe carioca viu Eduardo da Silva sair de campo lesionado

O Coritiba, que também não fazia um bom jogo, melhorou nos minutos finais do primeiro tempo e passou a criar chances claras de gol. Em uma delas, Zé Eduardo bateu colocado e um desvio salvador de Nixon pôs a bola no travessão. Em seguida, Paulo Victor teve de fazer duas defesas importantes e assegurou que o jogo fosse para o intervalo empatado.

Os donos da casa voltaram melhor para a segunda etapa, tentando pressionar a desorganizada defesa do Flamengo, e não demorou para chegarem ao objetivo. Aos 15, após escanteio, Leandro Almeida pulou livre para abrir o placar.

Os problemas do Flamengo aumentaram quando Eduardo da Silva tomou uma pancada nas costas, semelhante à que tirou Neymar da Copa do Mundo. Como os cariocas já tinham matado as substituições, o atacante teve de se sacrificar em campo até o fim.

O Coritiba seguiu dominando as iniciativas de ataque e ampliou em um gol contra de Luiz Antônio, que desviou um cruzamento para o próprio gol. Momentos depois, Marcelo derrubou Elber na área. Zé Eduardo não titubeou na cobrança do pênalti e marcou o terceiro gol, que deixou o Coritiba em situação confortável para a partida de volta.

FICHA TÉCNICA:

CORITIBA 3 X 0 FLAMENGO

CORITIBA - Vanderlei; Norberto (Reginaldo), Luccas Claro, Leandro Almeida (Bonfim) e Carlinhos; Gil, Helder, Dudu, Robinho; Martinuccio (Elber) e Zé Love. Técnico - Marquinhos Santos.

FLAMENGO - Paulo Victor; Luiz Antonio, Marcelo, Chicão e Samir; Amaral, Márcio Araújo (Canteros) e Mugni (Paulinho); Everton, Nixon (Gabriel) e Eduardo da Silva. Técnico - Vanderlei Luxemburgo.

GOLS - Leandro Almeida, aos 15, Luiz Antônio (contra), aos 28, e Zé Eduardo (pênalti), aos 44 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Marcelo Aparecido de Souza (SP).

CARTÕES AMARELOS - Luiz Antônio, Marcelo (Flamengo); Elber (Coritiba).

RENDA E PÚBLICO - não disponíveis.

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).