Cruzeiro não aceita o são-paulino Neilton de volta

Atacante está emprestado ao São Paulo até o fim da temporada, mas fora dos planos da diretoria e de Ceni

O Estado de S.Paulo

15 Maio 2017 | 17h28

O São Paulo terá de encontrar um outro caminho para se livrar de Neilton, uma vez que o clube paulista encontra dificuldades para 'devolver' o jogador ao Cruzeiro, dono do seu contrato de trabalho. Neilton está fora dos planos do time do Morumbi, mesmo com o técnico Rogério Ceni escalando-o na partida da semana passada contra o Defensa Y Justicia, pela Sul-Americana, quando o clube sofreu mais um revés e acabou eliminado do torneio. O Cruzeiro não está disposto, de acordo com o jornal Superesporte, de Minas, de ter novamente o atacante em suas fileiras.

O clube já tem seus jogadores para a posição e não vai desfazer o negócio com o São Paulo, cujo acerto de empréstimo vale até o fim da temporada. Mano Menezes não pensa no jogador como opção. Ocorre que a diretoria do São Paulo já pediu para o treinador se livrar do atacante, entendendo que o custo-benefício não foi uma boa.

Neilton apareceu como boa opção de velocidade pela direita do ataque tricolor. Com o tempo, no entanto, o atacante perdeu espaço e voltou para o banco de reservas. No Paulistão, ele fez seis partidas e mais duas pela Copa do Brasil. Na quinta-feira, Neilton estava em campo no empate e eliminação do São Paulo na Sul-Americana em casa. Ele não tem nenhum gol no time.

O Cruzeiro autorizou o São Paulo a emprestar o jogador por conta própria, assumindo os riscos da transação. O clube mineiro não aceita voltar a pagar o seu salário antes de dezembro. Na posição, Ceni tem Luiz Araújo, Marcinho, Chavez e Morato, que se machucou e não deve voltar mais nesta temporada, entre outros.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.